conecte-se conosco

PESérie ASportÚltimas

Esperança aos cofres, Adryelson se consolida como referência no Sport

Jovem zagueiro faz mais uma boa temporada pelo Leão, desta vez na Série A e desde o início da competição; veja números

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

As expectativas em torno de Adryelson sempre foram boas no Sport. E o zagueiro sempre correspondeu. Quando entrou nos jogos finais do Brasileiro de 2018, deu conta, ainda que fosse um recorte pequeno na elite. Para 2019, seguiu referência do time, mesmo que fosse na Segundona. Na atual temporada, por sua vez, não há nenhuma ressalva que possa ser apontada para o bom momento do prata da casa.

VEJA MAIS: Confira aqui outras notícias do Sport

Adryelson faz boa Série A, onde segue titular absoluto, com regularidade e bons números individuais, por mais que o Sport esteja brigando contra o rebaixamento na competição. Isso tudo, inclusive, representa um bom sinal para o clube, que tem no prata da casa uma esperança de fôlego aos combalidos cofres, imersos em problemas financeiros.

LEIA: Com Jair, Sport fecha ano sonhando com manutenção na Série A

Isso porque o jovem zagueiro de 22 anos é constantemente especulado em times europeus, especialmente italianos. Um bom Brasileiro, que é o que vem ocorrendo, deixa-o ainda mais valorizado no Sport – Adryelson também tem no currículo convocações para seleções de base -, que possui 100% dos direitos econômicos do defensor, cujo vínculo vai até o fim de 2021.

“Evoluí muito como pessoa, atleta, pegando experiência em cada jogo que passa. Isso é muito importante, espero poder retribuir mais vezes dentro de campo”, afirmou o zagueiro sobre o momento que vive. 

Recentemente, Adryelson completou 100 jogos pelo Sport. Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Regularidade 

Adryelson estreou nos profissionais em 2015, mas teve sequência apenas a partir do dia 5 de outubro de 2018, contra o Internacional, na Ilha do Retiro, vitória por 2 a 1 do Sport onde, inclusive, fez um gol. Desde então, não saiu da equipe, seja sob o comando de Milton Mendes, Milton Cruz, Guto Ferreira, Daniel Paulista e, agora, Jair Ventura.

No recorte, formou dupla de zaga com seis companheiros diferentes: Ernando, Ronaldo Alves, Chico, Rafael Thyere, Cleberson e Maidana. Enquanto havia essa rotação por questões técnicas, Adryelson seguia sendo mantido.

“Representa muito, essa minutagem é muito importante para minha carreira porque quanto mais jogos, mais experiência, aparece na televisão e tudo o mais. Isso é muito importante”, afirmou sobre a assiduidade com que vem participando dos jogos.

Números na Série A 

Jogos: 25 (todos como titular)
Gols: 0
Assistências: 0
Cortes: 5.2 por jogo (terceiro da competição)
Interceptações: 1.8 por jogo
Desarmes por: 0.5 por jogo
Faltas cometidas: 1.4 por jogo
Dribles sofridos: 0.4 por jogo
Duelos aéreos: 67% de aproveitamento
Aproveitamento nos passes: 81%
Aproveitamento nos lançamentos: 43%

Números gerais no Sport 

Jogos: 105
Gols: 3 
Conquistas: 1 título (Estadual 2019) e 1 acesso (2019)

Trending