conecte-se conosco
Luan Polli foi liberado pelo Sport Luan Polli foi liberado pelo Sport

PESérie ASportÚltimas

Em alta, Polli lembra início: ‘Trabalhei muito naquele ano sem jogar’

Goleiro falou sobre o momento atual, onde é o líder de defesas na Série A; veja números

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

Luan Polli, do Sport, vive ótimo momento. Titular do time na Série A, tem tido boas atuações e aparece como líder de estatísticas entre os jogadores da posição no campeonato. Porém, na Ilha do Retiro, nem sempre foi assim. E atualmente em alta, o goleiro relembrou o início difícil, quando sequer jogava.

VEJA MAIS: Confira aqui outras notícias do Sport

Polli desembarcou no Recife em meados de 2018 para substituir Agenor e ser o terceiro goleiro do Sport. Àquela altura, o ídolo Magrão era o titular e Mailson o reserva imediato. Assim, o atual camisa 27 demorou um ano e quatro meses para estrear. Enquanto isso, preparou-se em silêncio.

LEIA: Sem perder tempo, Sport inicia conversas para renovar com Jair e atletas para 2021

“Aquele um ano e meio em que eu nem ia para os jogos, sempre trabalhei muito sério, muito duro, para quando a oportunidade aparecesse eu desse conta do recado”, disse o goleiro.

LEIA: Carlos Eduardo deve estrear pelo Sport em time alternativo do Estadual

A esperada chance surgiu em outubro de 2019. Ali, Magrão já havia deixado o clube e Mailson era o titular na Segundona, com destaque. Porém, o prata da casa se machucou e abriu espaço para Luan Polli, aposta de Guto Ferreira na ocasião. E deu mais do que certo. 

Nos sete jogos restantes da Série B, foram apenas dois gols sofridos, mantendo o nível de atuação. Assim, Luan Polli colocou uma dúvida na cabeça de Guto, que iniciou 2020 com um rodízio entre ele e Mailson.

O treinador, porém, foi demitido e Daniel Paulista, novo técnico, elegeu Polli como titular absoluto. O goleiro oscilou, perdeu a posição, e retomou a condição apenas com Jair Ventura, na sétima rodada da Série A. Para se consolidar de vez como dono da meta rubro-negra.

“As coisas este ano têm acontecido da melhor forma, principalmente no Brasileiro. Meus números mostram por si só, mas eu também tenho que compartilhar isso com o Jorcey (Anysio, preparador de goleiros que veio com Jair em agosto). É um cara que chegou no decorrer do campeonato, me deu total apoio e vem fazendo um trabalho excelente com todos nós, a nossa evolução é nítida em todos os aspectos e temos que compartilhar isso com ele também”, comemorou.

Atualmente, Polli é o goleiro com mais defesas difíceis no Brasileirão, apresentando média de 3.9 por partida no fundamento, segundo o portal Sofascore, referência em estatística. Algo celebrado pelo jogador.

“É a prova de que o trabalho que a gente faz no dia a dia vem dando certo. Dentre os 20 times da Série A, eu estar liderando esse tipo de estatística é realmente uma realização de um sonho, entre vários goleiros, de seleção como é o caso do Weverton (do Palmeiras) e o Santos (do Athletico)”.

Os bons números do goleiro, claro, ajudam o Sport na luta contra o rebaixamento da Série A, que está bem perto de se concretizar. Atualmente, o Leão está com 42 pontos, cinco acima do Vasco, que abre a degola. Restando apenas duas rodadas, a chance de queda é de 0.006% e basta apenas um empate ao time pernambucano, que pode vir contra o Atlético-MG, neste domingo, na Ilha – ou caso o Bahia não vença o Fortaleza um dia antes.

“Independente do que acontecer no sábado, óbvio que vamos entrar sabendo, mas temos que pensar na gente, fazer o nosso trabalho no domingo. Pode ser o jogo da permanência, vamos ter essa certeza no dia, e temos que fazer o nosso trabalho como estamos fazendo durante todo o campeonato. Vamos jogar com a mesma seriedade, o mesmo respeito e com toda tranquilidade para fazer um bom jogo e garantir a permanência de uma vez por todas”, concluiu.

Números de Luan Polli na Série A 

Jogos: 29
Gols sofridos: 35
Média de gols sofridos: 1.2 por jogo
Partidas sem sofrer gols: 10
Média de defesas difíceis: 3.9 por jogo (líder na Série A)

– Fonte: Sofascore

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending