conecte-se conosco

ALBABahiaCECearáCSAFortalezaNáuticoPERNSanta CruzSérie ASportÚltimasVitória

Após 2020, Sport é o nordestino que mais jogou Série A nos pontos corridos

Leão da Ilha superou o Vitória; Bahia fecha top 3. Veja ranking e todas as campanhas detalhadas da região

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

O término da Série A de 2020, cuja última rodada ocorreu na noite desta quinta-feira (25), trouxe um novo dado histórico para a disputa entre os times nordestinos na competição. Isso porque, com a manutenção na elite nacional, o Sport se tornou isoladamente o time da região que mais disputou o campeonato desde que a fórmula passou para os pontos corridos, em 2003 – confira também todas as campanhas detalhadas do Nordeste desde então ao fim da matéria.

Indo, agora, para a 11ª participação, a equipe pernambucana superou o Vitória, que jogou a elite nacional dez vezes. O time baiano (atualmente na Segundona), inclusive, vê o maior rival igualar, já que o Bahia, em 2021, irá disputar a Série A justamente pela décima vez neste formato. 

Passado os três primeiros, quem aparece é a dupla cearense, que está empatada: tanto Ceará quanto Fortaleza, agora, possuem seis participações na Primeira Divisão dos pontos corridos, fechando assim o ‘top 5’ regional.

Na sequência, aparecem Náutico e Santa Cruz, em ordem. O alvirrubro pernambucano jogou a elite nacional em cinco oportunidades, enquanto o Tricolor duas. E, por fim, completam a lista América-RN e CSA, com uma participação. No total, apenas nove times nordestinos estiveram na Série A na era dos pontos corridos.

Não é fácil 

Para além da baixa variedade de times, percebe-se uma dificuldade de permanência – que pode ser justificada pela disparidade financeira em relação aos times do Sul e Sudeste. Isso porque a maior sequência de uma mesma equipe do Nordeste na elite foi de cinco vezes. Alcançada apenas em duas oportunidades. Primeiro com o Sport, de 2014 a 2018, e agora com o Bahia, que vai para o seu quinto ano seguido na elite (2017-2021). O Ceará vai para o quarto (2018-2021) e o Fortaleza para o terceiro (2019-2021).

Confira Ranking:

1) Sport (11 participações): 2007, 2008, 2009, 2012, 2014, 2015, 2016, 2017, 2018, 2020 e 2021.

2) Vitória (10 participações): 2003, 2004, 2008, 2009, 2010, 2013, 2014, 2016, 2017 e 2018.
2) Bahia (10 participações): 2003, 2011, 2012, 2013, 2014, 2017, 2018, 2019, 2020 e 2021.

3) Fortaleza (6 participações): 2003, 2005, 2006, 2019, 2020 e 2021.
3) Ceará (6 participações): 2010, 2011, 2018, 2019, 2020 e 2021.

4) Náutico (5 participações): 2007, 2008, 2009, 2012 e 2013.

5) Santa Cruz (2 participações): 2006 e 2016.

6) América-RN (1 participação): 2007.
6) CSA (1 participação): 2019.

Veja todas as campanhas dos nordestinos na Série A dos pontos corridos

Sport

2007: 14º lugar, 51 pontos – 14V, 9E e 15D;
2008: 11º lugar, 52 pontos – 14V, 10E e 14D;
2009: 20º lugar, 31 pontos – 7V, 10 E e 21D;
2012: 17º lugar, 41 pontos – 10V, 11E e 17D;
2014: 11º lugar, 52 pontos – 14V, 10E e 14D;
2015: 6º lugar, 59 pontos – 15V, 14E e 9D;
2016: 14º lugar, 47 pontos – 13V, 8E e 17D;
2017: 15º lugar, 45 pontos – 12V, 9E e 17D;
2018: 17º lugar, 42 pontos – 11V, 9E e 18D;
2020: 15º lugar, 42 pontos – 12V, 6E e 20D.

Vitória

2003: 16º lugar, 56 pontos – 15V, 11E e 20D;
2004: 23º lugar, 48 pontos – 13V, 9E e 24D;
2008: 10º lugar, 52 pontos – 15V, 7E e 16D;
2009: 13º lugar, 48 pontos – 13V, 9E e 16D;
2010: 17º lugar, 42 pontos – 9V, 15E e 14D;
2013: 5º lugar, 59 pontos – 16V, 11E e 11D;
2014: 17º lugar, 38 pontos – 10V, 8E e 20D;
2016: 16º lugar, 45 pontos – 12V, 9E e 17D;
2017: 16º lugar, 43 pontos – 11V, 10E e 17D;
2018: 19º lugar, 37 pontos – 9V, 10E e 19D.

Bahia

2003: 24º lugar, 46 pontos – 12V, 10E e 24D;
2011: 14º lugar, 46 pontos – 11V, 13E e 14D;
2012: 15º lugar, 47 pontos – 11V, 14E, 13D;
2013: 12º lugar, 48 pontos – 12V, 12E e 14D;
2014: 18º lugar, 37 pontos – 9V, 10E e 19D;
2017: 12º lugar, 50 pontos – 13V, 11E e 14D;
2018: 11º lugar, 48 pontos – 12V, 12E e 14D;
2019: 11º lugar, 49 pontos – 12V, 13E e 13D;
2020: 14º lugar, 44 pontos – 12V, 8E e 18D.

Ceará

2010: 12º lugar, 47 pontos -10V, 17E e 11D;
2011: 18º lugar, 39 pontos -10V, 9E e 19D;
2018: 15º lugar, 44 pontos – 10V, 14E e 14D;
2019: 16º lugar, 39 pontos – 10V, 9E e 19D;
2020: 11º lugar, 52 pontos – 14V, 10E e 14D.

Fortaleza

2003: 23º lugar, 49 pontos – 12V, 13E e 21D;
2005: 13º lugar, 55 pontos – 16V, 7E e 19D;
2006: 18º lugar, 38 pontos – 8V, 14E e 16D;
2019: 9º lugar, 53 pontos – 15V, 8E e 15D;
2020: 16º lugar, 41 pontos – 10V, 11E e 17D.

Náutico

2007: 15º lugar, 49 pontos – 14V, 7E e 17D;
2008: 16º lugar, 44 pontos – 11V, 11E e 16D;
2009: 19º lugar, 38 pontos – 10V, 8E e 20D;
2012: 12º lugar, 49 pontos – 14V, 7E e 17D;
2013: 20º lugar, 20 pontos – 5V, 5E e 22D.

Santa Cruz

2006: 20º lugar, 28 pontos – 7V, 7E e 24D;
2016: 19º lugar, 28 pontos* – 8V, 7E e 23D.
*O Tricolor perdeu três pontos no STJD por conta de atrasos salariais.

América-RN

2007: 20º lugar – 17 pontos – 4V, 5E e 29D.

CSA

2019: 18º lugar, 32 pontos – 8V, 8E e 22D.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending