conecte-se conosco

Copa do NordestePEPernambucanoSanta CruzÚltimas

Após derrota, técnico do Santa descarta grandes mudanças para pegar Central

Publicados

em

O Santa Cruz fez uma partida abaixo das expectativas. Depois de uma estreia na temporada onde bateu o Vitória das Tabocas por 2 a 0 no Arruda, o time se viu inoperante diante do Vitória-BA. Em uma derrota por 2 a 0 justa, o Tricolor não teve poder ofensivo e deu vários espaços para o adversário atacar. Na visão do técnico João Brigatti, apesar do mau desempenho, não é hora de mudar o esquema de jogo nem alterar tantas peças. Ele quer dar sequência para que o time se torne consistente neste começo de temporada.

Confira a classificação da Copa do Nordeste

“Não adianta a gente começar com um esquema e ficar trocando toda hora. Porque aí você não consegue dar um padrão para a equipe, não consegue ter uma consistência de jogo. Vamos conversar bastante com os atletas. Hoje não conseguimos nos reencontrar dentro da partida, que foi muito difícil e a gente já esperava. Sentimos demais o desgaste da estreia do Campeonato Pernambucano. São situações que a gente tem que ter cabeça fria, conversar bastante com nosso elenco, com nossa diretoria. E ver o melhor posicionamento para que a gente possa, nas outras partidas, não sofrer tanto e conseguir a vitória com uma equipe mais consistente, com equilíbrio”, avaliou o comandante coral.

Um dos principais problemas do Santa Cruz na partida deste sábado (27) foi a saída de bola. Lenta, com vários passes errados e perda da posse, o Tricolor não conseguiu construir boas jogadas e muitas vezes se via encurralado pelo time do Vitória. Com o tempo curto de preparação entre um jogo e outro, vai ser na base da conversa que o técnico João Brigatti tentará ajustar o Santa Cruz para enfrentar o Central na próxima quarta-feira (3), às 16h, no Lacerdão.

“A gente não tinha a saída rápida, principalmente pelos lados com nossos alas. Erramos em demasia essa saída de bola por dentro e isso fez com que a gente tivesse que correr atrás da equipe do Vitória. São situações dentro de uma partida que não deram certo. Vamos sentar, conversar com eles. Com o pouco tempo que temos de ajuste para quarta-feira, vamos passar para eles uma situação diferente, que dê um pouco mais de consistência de jogo. Lógico, temos que conversar bastante, porque da maneira que atuamos hoje, não deu e não vai dar um padrão de jogo”, encerrou o técnico do Santa Cruz.

Trending