conecte-se conosco
Evandro Carvalho, Presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF-PE) Evandro Carvalho, Presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF-PE)

NáuticoPEPernambucanoSanta CruzSportÚltimas

Campeonato Pernambucano adota novo protocolo de testagem para covid-19

Publicados

em

O Campeonato Pernambucano teve seu protocolo de testagem modificado a partir desta semana. As alterações ocorrem depois de casos recentes de covid-19 no Santa Cruz, onde o volante Elicarlos e o goleiro Martín Rodríguez, assintomáticos, atuaram contra o Sport no último domingo (14) e no dia seguinte descobriram estarem infectados, por conta do exame feito dentro do protocolo da CBF. A informação foi confirmada pelo presidente da Federação Pernambucana de Futebol (FPF), Evandro Carvalho, ao NE45.

Os testes do Campeonato Pernambucano aconteciam a cada 15 dias, realizados por conta dos próprios clubes em atletas e comissão técnica. Além de que os exames eram do tipo sorológico, que medem se há a presença de anticorpos para a doença. Este método, porém, acaba sendo falho por não detectar a doença em si, mas só o período final da infecção. O ideal seria que o exame adotado pela FPF fosse o RT-PCR, o mesmo cobrado pela CBF no seu protocolo.

Ainda não sendo da forma considerada ideal, a Federação adotou um período menor para as testagens do tipo sorológico no Campeonato Pernambucano. Agora, serão realizados a cada cinco dias. Após parceria firmada pela FPF, laboratórios serão instalados nos locais dos jogos para que os testes rápidos sejam realizados, caso os envolvidos nas partidas não apresentem antes os resultados.

“Agora são feitos testes obrigatórios a cada cinco dias, para todo mundo. Atletas, comissão técnica, imprensa. Temos um laboratório instalado em Salgueiro e outro na Arena. Quem não tiver o exame, chega lá na hora e se submete a ele. Nós criamos as condições para facilitar a vida da imprensa, de não ter que ir para laboratório longe. Então colocamos laboratórios nos próprios estádios, facilitando a vida de todo mundo”, afirmou o presidente da FPF, Evandro Carvalho.

Trending