conecte-se conosco
Altos 2 x 0 Santa Cruz, pela Copa do Nordeste Altos 2 x 0 Santa Cruz, pela Copa do Nordeste

Copa do NordestePEPISanta CruzÚltimas

Vivo na Copa do Nordeste, Altos bate Santa Cruz em jogo pouco inspirado em Teresina

Foto: Nordeste FC/Reprodução

Publicados

em

O jogo tinha uma equipe que ainda buscava algo na Copa do Nordeste: o Altos. E os piauienses mostravam o motivo de estarem ainda vivos na competição, ao vencer o Santa Cruz por 2 a 0 no estádio Albertão, em Teresina-PI. Os gols foram marcados por Juninho Arcanjo e Leandro Amorim. Com o resultado, os donos da casa terminam a rodada dentro do G4 do Grupo B, com 10 pontos. Enquanto que o Tricolor segue na lanterna do Grupo A, com apenas três pontos.

O próximo compromisso do Altos, pela Copa do Nordeste, será diante do CRB, no próximo sábado (10), em Maceió-AL. Enquanto que o Santa Cruz fecha a sua participação no torneio diante do Botafogo-PB, no sábado, no Recife-PE.

Confira a classificação da Copa do Nordeste

Jogo sonolento

Um primeiro tempo bastante sonolento, com chances escassas e muitos erros. Isso resume o que foi o início do duelo entre Altos e Santa Cruz. Enquanto o Jacaré precisava do resultado para seguir vivo na Copa do Nordeste, o Tricolor não tinha mais pretensões. Por isso o técnico João Brigatti poupou vários atletas, como o atacante Pipico, o meia Chiquinho e o zagueiro William Alves, que sequer viajaram para o Piauí. Enquanto que os donos da casa, com vários desfalques por covid-19 e lesões, foi aguerrido.

Com maior ímpeto, o Altos se lançava ao ataque e tentava furar a linha defensiva coral. Mesmo com muitos erros das duas equipes, os piauienses conseguiram ser mais agudos e chegaram com perigo aos 12 minutos. Thiaguinho recebeu na entrada da área, passou por dois marcadores, invadiu a área do Santa Cruz e bateu por cima da meta.

Na mesma pegada, com pouca técnica e inspiração, o Altos se sobressaiu na bola parada. Aos 34 minutos, o árbitro viu toque de mão do meia Juan, estreante do Tricolor, vindo do Sub-20. Na cobrança Juninho Arcanjo bateu, a bola desviou em Ítalo Melo e traiu o goleiro Jordan, que nada pode fazer para evitar o gol. Somente aos 43 o Mais Querido teve sua melhor investida. Pela esquerda, Eduardo tabelou com Madson, invadiu a área e finalizou com perigo, mandando ao lado direito de Mondragon.

Altos decidiu logo no começo

O Santa Cruz veio para a etapa complementar com duas mudanças e tentou ser mais ofensivo. Era a postura a ser adotada para tentar reverter a situação. Porém, com apenas dois minutos, a estratégia foi por água abaixo. Em cobrança de escanteio, Gláucio cabeceou e Jordan fez grande defesa. No rebote, Leandro Amorim, livre dentro da pequena área, emendou para as redes.

Com o gol sofrido, o Santa Cruz demorou a reagir e o Jacaré se manteve mais cauteloso, baixando suas linhas de marcação e deixando os visitantes com mais posse de bola. O Tricolor, desta maneira, começou a arriscar chutes de fora da área, e teve duas tentativas que colocaram Mondragon para trabalhar. A primeira aos sete minutos, com Léo Gaúcho, a segunda aos 20, com Felipe Simplício. Aos 24, o próprio meia, ex-Cabeleira, emendou um chute de primeira dentro da área e Mondragon defendeu em dois tempos.

Vendo a pressão que começou a sofrer, o Altos voltou a ser mais agressivo e equilibrou as ações. Isso fez com que a partida voltasse a ficar truncada, sem maiores oportunidades criadas dos dois lados. Resultado final foi merecido para os piauienses pelo que demonstraram no duelo. Enquanto isso, o Santa Cruz se contenta em cumprir tabela na Copa do Nordeste.

Ficha do jogo

Altos

Mondragon; Gean (Dudu Gago), Reinado Lobo, Leandro Amorim e Thiaguinho; Dos Santos (Jorginho), Ray (Netinho), Juninho Arcanjo (Alex Mineiro) e Roger Gaúcho; Gláucio e Lucas Campos (Cesinha). Técnico: Fernando Tonet.

Santa Cruz

Jordan; Ítalo Melo (Vinícius Balotelli), Júnior Sergipano, Célio Santos e Eduardo; Elicarlos, Karl (Arian) e Juan Batista (Felipe Simplício); Madson, Augusto Potiguar e Léo Gaúcho (Ytalo Araújo). Técnico: João Brigatti.

Local: Estádio Albertão, em Teresina-PI. Gols: Juninho Arcanjo, aos 34′ do 1ºT, e Leandro Amorim, aos 2′ do 2ºT (ALT). Cartões amarelos: Dudu Gago e Dos Santos (ALT).

Trending