conecte-se conosco

PESportÚltimas

Tavares aparece como opção no meio, vira titular e ‘agrada’ no Sport

Louzer revelou conversa com o atlerta, destacou características e fez elogios

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife
Avatar

Publicados

em

O início de temporada de Júnior Tavares no Sport não foi o esperado. Depois de virar titular e jogar bem no segundo turno da última série A, o lateral-esquerdo perdeu a posição para Sander e vinha sendo pouco utilizado na equipe. Vinha. Isso porque, com a chegada do técnico Umberto Louzer, o jogador voltou a aparecer, mas numa função diferente: no meio de campo.

VEJA MAIS: Confira aqui outras notícias do Sport
VÍDEO: assista aos gols da vitória do Sport sobre o Náutico pelo Estadual

Como segundo volante, responsável por fechar o meio na marcação ao lado de Marcão e ajudar na transição ofensiva, trazendo qualidade à saída de bola, Júnior Tavares foi acionado no decorrer do duelo contra o Retrô, há duas rodadas, melhorando a dinâmica da equipe no meio. Foi dele, inclusive, a assistência para o solitário gol do confronto, marcado por Neilton.

No jogo seguinte, diante do Náutico, no último domingo, o jogador foi a principal novidade na escalação de Louzer, aparecendo já como titular na função. E, mais uma vez, teve a atuação bem elogiada pelo treinador, que, ao que tudo indica, seguirá dando sequência a Júnior Tavares no setor – ainda que não tenha confirmado.

Em entrevista coletiva, o técnico falou sobre a opção, destacou características e revelou um papo com o atleta em uma das primeiras atividades que realizou, assim que desembarcou no clube.

“Júnior entrou muito bem no jogo passado, um jogador que nos dá transição, verticalidade, um atleta de construção boa, muito interessante, tem esse poder de marcação. Conversei com o atleta no terceiro dia de treinamento que tivemos, já havia visto ele jogar assim nessa função, só quis ouvir se o atleta se sentia bem nessa função”, afirmou.

“Então (ele) treinou a semana inteira, nos agradou bastante, foi confirmando aquilo que tínhamos de ideia e fez uma partida segura (contra o Náutico), de muita qualidade, dando sustentação na hora de defender, dando agressividade na hora de transitar no campo ofensivo e também na construção quando estávamos no campo do oponente. É um atleta que tem uma margem grande para evoluir”, acrescentou Louzer.

Não é de hoje que o Sport vem tentando preencher a lacuna de segundo volante, uma vez que no Brasileirão o time sofreu quando não teve Betinho, que tem sido irregular neste começo de temporada. Este, aliás, é um setor concorrido, que teve dois reforços para 2021 que ainda não estrearam (Zé Welison e Rentería), além de Ronaldo e Ricardinho, que jogam por ali.

Para Júnior Tavares, inclusive, não é novidade jogar nesta função. No Portimonense-POR, o jogador também foi utilizado no meio, algo que foi destacado pelo antigo técnico rubro-negro, Jair Ventura, que chegou a usá-lo assim na chegada à Ilha do Retiro, ainda que não tenha tido sequência- se firmou na lateral.

Nesta temporada, aliás, Júnior Tavares tem somente cinco partidas (de 18 Sport), mas já registrou duas assistências – além do Retrô, contribuiu também com passe para gol diante do Treze, em jogo que o clube utilizou equipe reserva.

Trending