conecte-se conosco

ConfiançaEstaduaisSESergipanoÚltimas

Cirúrgico, Sergipe vence o Confiança e avança à decisão do Estadual

Vitória do Gipão envolveu quebra de jejuns entre os times

Publicados

em

O Sergipe foi cirúrgico, se defendeu bem e venceu o Confiança por 1 a 0, na tarde deste sábado, no estádio Batistão, pelo segundo jogo das semifinais do Campeonato Sergipano – a ida havia sido 0 a 0. O solitário gol do confronto, que colocou o Gipão na decisão, foi contra, marcado por Álvaro, do Dragão, no segundo tempo.

E agora?

Agora, para a final, o Sergipe aguarda o vencedor de Lagarto e Itabaiana, que se enfrentam neste domingo, no Etelvino Mendonça.

História

Essa foi a primeira derrota de Daniel Paulista no clássico Maior, que antes tinha três vitórias e um empate. Já o Gipão não vencia o Confiança há dez partidas, com cinco vitórias e cinco empates no recorte – última vez havia sido em 2018.

O jogo

Apesar de ter a vantagem do empate, o Confiança começou buscando o gol. E conseguiu chegar. Logo com um minuto, Willians Santana foi acionado dentro da área e arriscou cruzado, mas a bola saiu.

Pressionando, o Dragão continuou assustando e chegou em jogada individual de Marcelinho, que caiu na área pedindo pênalti mas nada foi marcado. Logo em seguida, o atacante chegou de novo após assistência de calcanhar de Willians Santana, mas parou em Igor Rayan.

O Gipão, por sua vez, não conseguiu sair para o jogo, mas parou de sofrer quando o Dragão diminuiu o ritmo após a forte pressão inicial. Porém, ainda assim, o Confiança, buscando chegar ora pelos, ora por dentro, quase marcou em tabela entre Bruninho e Luciano Juba, onde o lateral-esquerdo deu cruzamento perigoso e Hitalo, ao tentar afastar, por pouco não marcou contra.

Segundo tempo

Na etapa complementar, o duelo foi de menos chances, ainda que o Dragão tenha continuado com mais posse de bola. A única chegada, porém, foi em chute de Bruninho, de fora, que passou perto. Já o Sergipe, parecia jogar por uma bola. E assim marcou o seu gol. Em descida pelo lado, a equipe cruzou rasteiro na área do Confiança e Álvaro, ao tentar afastar, marcou contra.

Em desvantagem, Daniel Paulista fez mudanças ofensivas e colocou o time para frente, a fim de pressionar. Porém, o Gipão se segurou, venceu o Clássico Maior e avançou à decisão.

Ficha

Confiança

Rafael Santos; Leandro Silva (Caíque Sá), Isaque, Nery Bareiro, Luciano Juba; Bruna Sena, Rafael Vila, Bruninho; Marcelinho (Neto Berola), Willians Santana (Cristiano) e Everton (Álvaro). Técnico: Daniel Paulista

Sergipe

Igor Rayan; Da Silva (Paulo Fernando [Matheus Moraes]), Alexandre Nazarini, Hitalo Rogério, Júlio Lima; Ewerton Ageu, Brendon, Doda (Joelson); Júlio Pit, Paulinho e Hiago (Erick Bahia). Técnico: Elias Borges

Gols: Álvaro, contra (SER)
Cartões amarelos: Ewerton Ageu, Brendon (SER); Nery Bareiro, Bruninho e Bruno Sena (CON)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending