conecte-se conosco

NáuticoPESérie BÚltimas

Náutico marca no final, vence Botafogo e dispara na liderança da Série B

Foto: Tiago Caldas/CNC

Publicados

em

O início perfeito do Náutico Série B do Campeonato Brasileiro teve mais um capítulo neste domingo (20), nos Aflitos. O desempenho não foi tão bom quanto nas últimas rodadas, mas foi eficiente e o Timbu venceu o Botafogo por 3×1, e disparou na liderança da competição. Pedro Castro, contra, abriu o caminho do triunfo. No segundo tempo, Kieza perdeu um pênalti e Felipe Ferreira empatou para o Alvinegro. Porém, já no final, Jean Carlos, de pênalti, e Paiva, com assistência de Alex Alves, decretaram a quinta vitória alvirrubra. 

O Timbu terminou a 5ª rodada da Série B com 100% de aproveitamento e 15 pontos conquistados. A vantagem para o vice-líder é de cinco pontos e para o 5º colocado é de sete. Na próxima rodada, o adversário será o Londrina, quarta-feira (23), às 16h, Estádio do Café. Já o Botafogo ficou em 4º com oito pontos e receberá o CSA.

Náutico deslancha no fim, bate o Botafogo e segue 100% após 5 jogos; histórico a favor

Vantagem com dificuldades

O Náutico errou mais do que o costume no primeiro tempo contra o Botafogo, sobretudo nos passes. O início da partida foi nervoso e logo aos oito minutos Warley recebeu amarelo por falta e, por reclamações, Vinícius também foi punido com cartão e Hélio dos Anjos foi expulso.

Com o jogo rolando, de fato, o Timbu cedeu espaços ao adversário e correu risco no começo. Porém, a bola parada novamente foi decisiva. Aos 15 minutos, Jean Carlos cobrou escanteio fechado, Vinícius desviou e Pedro Castro marcou contra para o Alvirrubro.

O Botafogo voltou a ameaçar com Rafael Navarro, que se esticou depois de um cruzamento, mas Alex Alves defendeu e em uma falta cobrada por Chay que também parou nas mãos do goleiro. Aos poucos, o Timbu teve tranquilidade para rodar a bola e manteve a posse para controlar o jogo sem novos sustos. 

Kieza perde pênalti e Botafogo empata; Jean e Paiva marcam

A etapa complementar foi de possibilidades para os dois lados. Ainda com dez minutos, o Botafogo quase empatou. Porém, o goleiro Alex Alves fez dois milagres em finalizações de Gilvan e Pedro Castro. Na última, inclusive, salvou deitado e em um chute à queima roupa.

O Timbu teve a chance de matar a partida aos 21 minutos quando o árbitro marcou pênalti de Paulo Victor em Erick. Kieza foi para a cobrança, bateu mal e Douglas Borges defendeu. O castigo veio aos 29 minutos. Camutanga saiu jogando errado, Rafael Moura roubou a bola e tocou para Diego. O atacante deixou para Felipe Ferreira deslocar Alex Alves e igualar o marcador.

Hélio dos Anjos ainda tentou recuperar as rédeas da partida com as substituições. Entraram Luiz Henrique, Marciel, Paiva, Matheus Carvalho e Giovanny. Na pressão, o Timbu conseguiu um novo pênalti. Paulo Victor, mais uma vez, cometeu a falta na área. Agora, em Hereda. Na batida, Jean Carlos chutou firme no canto esquerdo para fazer 2×1. Ainda deu tempo de sair o terceiro. Alex Alves, o melhor em campo, repôs a bola e deu uma assistência para Paiva, que chutou firme e marcou para garantir a quinta vitória alvirrubra.

Ficha do jogo

Náutico 3
Alex Alves; Hereda, Camutanga, Wagner e Bryan; Trindade (Luiz Henrique), Rhaldney (Marciel) e Jean Carlos; Erick (Paiva), Vinícius (Matheus Carvalho) e Kieza (Giovanny). Técnico: Hélio dos Anjos.

Botafogo 1
Douglas Borges; Warley (Daniel Borges), Kanu, Gilvan e Paulo Victor; Luís Oyama, Pedro Castro (Rafael Moura) e Marco Antônio (Felipe Ferreira); Chay (Diego Gonçalves), Guilherme Santos (Barreto) e Rafael Navarro. Técnico: Marcelo Chamusca.

Local: Estádio dos Aflitos, no Recife.
Árbitro: Wanderson Alves de Sousa (MG)
Assistentes: Ricardo Junio de Souza (MG) e Frederico Soares Vilarinho (MG)
Gols: Pedro Castro (Botafogo), contra para o Náutico, aos 15 do 1ºT; Felipe Ferreira (Botafogo), aos 29 do 2ºT; Jean Carlos (Náutico), aos 44 do 2ºT.
Cartões amarelos: Camutanga, Hereda e Wagner (Náutico); Warley, Kanu, Pedro Castro, Guilherme Santos e Rafael Carioca (Botafogo).

Ouça a partir do minuto 04′:

Trending