conecte-se conosco

NáuticoPESérie BÚltimas

Alex Alves se diz em evolução no Náutico e vê leitura de jogo como chave para assistência

Tiago Caldas/CNC

Publicados

em

O torcedor do Náutico teve uma grata surpresa no jogo contra o Botafogo, neste domingo: a grande atuação do goleiro Alex Alves, que fez defesas de grande dificuldade e ainda coroou a atuação com uma assistência para o terceiro gol na vitória por 3 a 1. Questionado na sua chegada, Alex comentou sobre a evolução que vem tendo pelo Timbu, além dos importantes números defensivos que vêm sendo alcançados e da importância da leitura de jogo para o goleiro conseguir ter participação ofensiva.

Nesta Série B, em cinco jogos, o Náutico só tem dois gols sofridos, um do Guarani e um do Botafogo. Isso já é o suficiente para garantir o Timbu com a melhor defesa do campeonato, ao lado do Sampaio Corrêa. A grande diferença, porém, é o ataque. Se, para conseguir isso, os maranhenses tiveram que recuar e só tem quatro jogos no torneio, o Timbu é dono do melhor ataque, com 10 tentos marcados. Esse bom momento defensivo foi comemorado pelo arqueiro alvirrubro, que sofreu 16 gols em 17 jogos.

“Esse sistema defensivo parte lá da frente e vai passando por todos os setores. Fico muito feliz quando vejo a entrega dos meus companheiros. Isso só mostra que está todo mundo empenhado em ajudar a não sofrer gol e, também, a fazer gols. Então, eles nos ajudam na defesa e a gente ajuda eles no ataque, na construção das jogadas. A gente tem achado um equilíbrio muito bacana”.

Esse auxílio defensivo na criação de jogadas também foi pauta para o goleiro. Responsável por uma assistência nesse jogo, além de um importante lançamento no jogo anterior, contra o Vila Nova, Alex disse que o goleiro precisa estar atento à leitura de jogo para poder construir esse tipo de jogada.

“A gente tem que estar ligado em todas as partes, uma linha mais avançada da equipe deles, um vazio na primeira e na segunda linha e, também, quando a última linha sobe. Ali, como já era final de jogo, as equipes tendem a sair mais para ir em busca do resultado, dessa vez, eu fui feliz em lançar essa bola nas costas da última linha deles e o Paiva fazer o gol. Contra o Vila também consegui fazer um lançamento para o Kieza”.

A EVOLUÇÃO DE ALEX ALVES

Muito questionado pela sua atuação durante o início do Campeonato Pernambucano, Alex viveu, indiscutivelmente, seu melhor jogo com a camisa alvirrubra neste encontro com o Botafogo. Isso, segundo ele, passa pelo ritmo de jogo e pela confiança adquirida.

“Eu tenho adquirido bastante ritmo de jogo, a confiança de todos. Quando eu cheguei aqui, é natural, o torcedor tem aquela desconfiança por não conhecer o meu trabalho, mas eu vim muito feliz para cá, com muita vontade de honrar essa camisa, de crescer jogo a jogo e poder ajudar com o meu trabalho. Eu sei que eu tenho muita coisa a crescer, a evoluir, a acrescentar para poder ajudar a equipe. E agora é ir em busca dos objetivos maiores, que são o acesso e o título”.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending