conecte-se conosco

ConfiançaSESérie BÚltimas

Rafael Santos comemora vitória do Confiança e comenta cobrança

Foto: Lucas Almeida/ADC

Publicados

em

Após quatro jogos sem vencer (três derrotas e um empate), o Confiança voltou a somar três pontos ao bater o Vila Nova por 1 a 0, na Arena Batistão, pela sexta rodada da Série B. Resultado comemorado pelo goleiro e capitão do time proletário Rafael Santos, que também analisou as críticas que vinha recebendo por parte da torcida e da imprensa nas últimas partidas.

Titular desde o ano passado, Rafael Santos já soma 81 jogos oficiais com a camisa do Dragão. “A gente estava bastante chateado, assim como toda nossa torcida, porque não estávamos conseguindo os resultados. A gente sabia que a Série B seria muito difícil, o jogo de hoje precisou de dedicação ao máximo de todos os atletas e isso não está faltando aqui no Confiança. A gente tem se dedicado ao máximo para tentar os resultados e hoje a gente conseguiu esse equilíbrio, que foi não sofrer tanto apesar de ficar uma pressão no final. Conseguimos um grande resultado”, pontuou o goleiro, em entrevista ao canal Premiere.

O jogo contra o Vila Nova também foi o primeiro em que o Confiança não sofreu gols nesta Série B. “A gente espera poder manter esse nível de atual. Não vinhamos jogando mal”, completou o goleiro, que por fim também comentou as criticas sofridas.

“Eu venho buscando o meu melhor sempre com a camisa do Confiança. Às vezes a gente é avaliado pelos nossos 90 minutos e o jogo em si. A gente comete erros, eu sou ser humano e vou errar também. A gente conseguiu grande parte dos objetivos do ano passado, esse ano foi um ano atípico que a gente não conseguiu os objetivos. A torcida tem direito de questionar porque nós representamos o estado na Série B e todo mundo olha para o Confiança quando olha para o estado no esporte. Eu, Rafael, tenho a responsabilidade como capitão e goleiro titular da equipe de tentar fazer o meu melhor sempre. Às vezes as coisas não acontecem, a gente está em uma má fase, a bola teima em entrar. Ao mesmo tempo que têm torcedores que criticam têm torcedores que me colocam para cima a todo o momento”, finalizou.

O Confiança volta a campo na próxima sexta-feira às 21h30 para encarar o Operário, no Germano Kruger, em Ponta Grossa.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending