conecte-se conosco

CECearáPESérie ASportÚltimas

Sport e Ceará fazem jogo movimentado, mas empatam na Ilha

Rubro-negro deixou Z4, enquanto Vozão aumentou série invicta

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

Na Ilha do Retiro, Sport e Ceará fizeram um jogo muito brigado, e até movimentado na noite deste domingo, principalmente no primeiro tempo, mas, no fim, o confronto nordestino válido pela 13ª rodada da Série A, acabou empatado sem gols. 

E agora? 

Com o resultado, o Leão subiu para 16º e deixou a zona com 11 pontos, enquanto o Vozão continua em sétimo, com 19 e há nove jogos sem derrota, ampliando a série invicta. Na sequência da competição, o Sport visita o Bahia, enquanto o Ceará faz clássico diante do Fortaleza

Sem pontaria, Sport e Ceará empatam na Ilha.; leão deixa o Z4 e vozão pontua pela 9ª vez

O jogo – Alvinegro começa mais forte 

O Vozão iniciou com mais ímpeto, mantendo a posse de posse de bola no ataque e rondando a área. E teve as primeiras finalizações do jogo. Aos seis, Messias ajeitou cruzamento para Lima, que finalizou livre, em boas condições, na área, mas a bola explodiu em Sabino. Pouco depois, o meia voltou a assustar, em chute de fora, mas a bola subiu muito. 

Sport equilibra 

Por volta dos 15 minutos, o Rubro-negro conseguiu equilibrar o jogo, dividindo a posse de bola com e Ceará e conseguindo aparecer no campo de ataque, com boa movimentação de Gustavo, contudo, o mais perto que chegou do gol adversário foi através de bola parada – escanteio ou faltas laterais -, sem, entretanto, finalizar. 

Ceará volta a assustar 

Depois do momento de equilíbrio do Leão, o Alvinegro voltou a ser melhor, levango perigo a Mailson. Primeiro, aos 24, em boa jogada individual pela direita, com direito a drible da vaca, Rick cortou para o meio e finalizou, mas a bola passou perto da trave. Pouco depois, Naressi recebeu enfiada de Sobral pela direita da grande área e chutou cruzado, com perigo, mas Cléber não conseguiu completar. 

Sport, enfim, finaliza, mas perde boas chances no melhor recorte do jogo 

As primeiras finalizações do Sport saíram apenas na reta final do primeiro tempo, a partir de jogadas pela direita. Aos 34, Hayner cruzou bem para Mikael, livre na pequena área, que, em boas condições, cabeceou mal. Depois, em boa trama entre Zé Welison, Gustavo e Thiago Lopes, de novo o atacante recebeu bola limpa na marca do pênalti, mas de direita chutou torto.

Ceará desperdiça melhor chance 

Nos acréscimos do jogo, após bate-rebate na área, Rick, na linha da pequena área, com apenas Mailson na frente, completou mal chute rasteiro de Fernando Sobral.

Segundo tempo 

Para a etapa complementar, o jogo voltou mais equilibrado e, diferentemente do primeiro tempo, sem finalizações, concentrado no meio, apesar da boa movimentação de Gustavo de um lado e busca de Rick no outro. Assim, os técnicos fizeram mudanças, na tentativa de mudar o jogo. No Sport, entrou André, enquanto no Ceará entraram Vina e Kelvyn.

A as mudanças melhoraram a produtividade do Alvinegro, que finalizou com perigo duas vezes de fora da área, ambas com Lima, mas a bola apenas passou perto. Do outro lado, a fim de reagir o Sport, Louzer acionou Paulinho Moccelin em campo. 

E a troca recolocou o Rubro-negro no jogo, que levou perigo justamente com Moccelin em duas jogadas de linha de fundo – uma delas tirando três marcadores -, mas acabou travado na tentativa de toque para o meio da área.

Porém, foi só. Muito brigado na reta final, o duelo  acabou sem maiores emoções e no zero. 

Ficha 

Sport 

Mailson; Hayner, Rafael Thyere, Sabino, Chico; Marcão, Zé Welison, Gustavo (Paulinho Moccelin), Thiago Lopes (Tréllez); Mikael (André) e Everaldo. Técnico: Umberto Louzer 

Ceará 

Richard; Fabinho, Messias, Gabriel Lacerda, Bruno Pacheco; Pedro Naressi (Kelvyn), Fernando Sobral, Jorginho (Vina), Lima; Cléber (Wendson) e Rick (Airton). Técnico: Guto Ferreira

Local: Ilha do Retiro, Recife 
Cartões amarelos: Pedro Naressi (CEA), Gustavo, Marcão, Thiago Lopes e Paulinho Moccelin (SPO)

Continue lendo
1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending