conecte-se conosco
Ramon Menezes. técnico do Vitória Ramon Menezes. técnico do Vitória

BACopa do BrasilÚltimasVitória

“Outra competição”: Ramon garante que má fase na Série B não interfere na Copa do Brasil do Vitória

Pietro Carpi/EC Vitória

Publicados

em

O Vitória não vive um bom momento na Série B, mas, nesta semana, o foco do Leão da Barra vai mudar para um torneio paralelo: a Copa do Brasil. Com o primeiro dos dois jogos da fase de oitavas de final, contra o Grêmio, marcado para esta terça-feira, os focos do time não devem se cruzar e o Rubro-Negro deve chegar consistente para o jogo contra os gaúchos, segundo a leitura do treinador Ramon Menezes.

“É outra competição. Já conversei com os atletas. No Brasileiro, tenho certeza e convicção que vamos reverter a situação. Aqui é um jogo de 180 minutos, a primeira decisão é amanhã. A gente tem que entrar muito concentrado, muito ligado, muito focado. É um jogo muito parecido com aquilo que vivemos em Porto Alegre contra o Inter, parecido com o que o Vitória, antes de minha chegada, enfrentou o Inter aqui também. Copa do Brasil a gente sabe como é”.

O jogo contra o Internacional, citado por Ramon, aconteceu logo em sua primeira partida à frente do clube. Em campo, o Vitória conseguiu aplicar um 3 a 1 e sair com a vaga nas oitavas. Depois, porém, já são 12 jogos e apenas duas vitórias, com cinco empates e cinco derrotas. Esse fraco desempenho deixa o Leão no Z4 da Segunda Divisão. Essa mudança de competição é vista com bons olhos por Ramon.

“É uma competição muito importante para o clube, uma competição muito boa para projeção de atletas. A gente sabe de nossa responsabilidade, da grandeza que é esse jogo, um grande adversário. Agora é esquecer o Brasileiro da Série B e focar na Copa do Brasil (…) as duas equipes estão vivas dentro dessa competição, todas as duas buscando passar de fase, uma competição muito difícil. Temos que ter em mente a mesma dificuldade que foi lá diante do Inter”.

Grêmio

Neste cenário, o treinador também comentou sobre o diferente perfil de jogo, com ida e volta resolvendo a vaga nas quartas. “É uma competição que você tem que ter muita inteligência, um jogo de 180 minutos. Vão ser jogados dos primeiros 90, 95 ou 100 minutos amanhã. É lógico que os erros acontecem, mas você tem que minimizar os erros diante de uma grande equipe, que é a equipe do Grêmio “.

Ramon também falou sobre o adversário das 21h30 desta terça-feira. Na visão dele, o Grêmio vem apresentando uma mudança de comportamento.

“Estudar bastante o Grêmio, já venho estudando, mudou a maneira de jogar nesse último jogo diante do América-MG, muito bem treinado, não tem o que falar do professor Felipão. São grandes jogadores, a dificuldade muito grande que vamos enfrentar, mas é passar muita confiança para os atletas para que a gente possa fazer um grande jogo”.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending