conecte-se conosco
Marcelo Alves, zagueiro do Vitória Marcelo Alves, zagueiro do Vitória

BASérie BÚltimasVitória

Vitória empata com Avaí em casa e segue na luta para se distanciar do Z4 da Série B

Foto: Pietro Carpi/EC Vitória

Publicados

em

O Vitória fez um primeiro tempo ruim, cresceu na segunda etapa, mas acabou ficando no empate em 0 a 0 com o Avaí no estádio Barradão, em Salvador-BA. O resultado está longe de ser o esperado pelo Rubro-negro, mas serviu para deixar os donos da casa, ao menos por mais uma rodada, fora do Z4 da Série B.

Com o resultado, o Vitória chegou aos 13 pontos e ocupa a 15ª colocação. Enquanto que o Avaí caiu uma posição e ocupa o 4º lugar, com 26 pontos. O Rubro-negro volta a campo na próxima terça-feira (3), pela Copa do Brasil, diante do Grêmio. A partida será na Arena do Grêmio, em Porto Alegre-RS, às 19h. Já o Avaí vai até Maceió-AL enfrentar o CSA no próximo sábado (7), às 19h.

Confira a classificação da Série B

Avaí melhor, mas Lucas Arcanjo garante empate

O Avaí, vindo embalado na Série B com oito jogos de invencibilidade, partiu para cima do Vitória em busca de garantir essa sequência, ainda mais se aproveitando da fragilidade do Leão. Logo aos três minutos, Marcos Serrato recebeu na intermediária e arriscou um chute forte. Lucas Arcanjo, atento no lance, pulou e espalmou para escanteio. Melhor na partida, o time azurra tentou novamente aos 22, com Vinícius Leite cobrando falta cheia de efeito, mas o goleiro rubro-negro, novamente, esteve atento para evitar o pior.

O Vitória buscava chegar pelos lados do campo, apostando na velocidade de Guilherme Santos e Ygor Catatau, mas foi pouco eficiente e, apesar de ter tentado finalizar cinco vezes na etapa inicial, não conseguiu acertar uma sequer no gol defendido por Glédson. O Avaí incomodava bastante pelo lado direito do Rubro-negro, com o colombiano Copete, que vem fazendo uma grande Série B. Infernizou aquele lado, em cima de Van. Aos 42, os catarinenses reclamaram de pênalti do próprio Van em cima de Vinícius Leite, derrubado após tentar tabela dentro da área, mas a arbitragem nada marcou.

Vitória equilibra, mas não consegue marcar

Na segunda etapa, mesmo com um maior equilíbrio, o Vitória é quem chegou com perigo primeiro. Aos nove minutos, Bruno Oliveira mandou a bola em profundidade para Ygor Catatau, dentro da área. O atacante saiu cara a cara com Glédson, mas o goleiro abafou bem o lance e defendeu a finalização.

A partida seguiu truncada, com muitos erros de passe e dificuldades das duas equipes para criar jogadas. O Vitória teve uma leve melhora em relação ao primeiro tempo, mas o Avaí também caiu de produção. Isso ajudou para que o duelo ficasse mais equilibrado. Aos 26, Copete arriscou de fora da área e mandou por cima da meta de Lucas Arcanjo. No minuto seguinte, os visitantes reclamaram de pênalti de Roberto, quando cortou a bola de carrinho, mas atingiu Getúlio.

O Vitória tentou apertar no final da partida e quase marcou aos 38. Após cruzamento, Samuel cabeceou e o zagueiro Betão cortou a bola, que tinha destino certo para dentro das redes. Após a cobrança de escanteio, a bola sobrou para Soares, que cruzou e Mateus jogou para fora. Mesmo brigando até o fim, o Rubro-negro ficou no empate dentro de casa.

Ficha do jogo

Vitória (0)

Lucas Arcanjo; Van (Gabriel Inocêncio), Marcelo Alves, Mateus Moraes e Roberto; Gabriel Bispo, Pablo Siles (Eduardo) e Bruno Oliveira (João Pedro); Ygor Catatau (David), Guilherme Santos (Soares) e Samuel. Técnico: Ramon Menezes.

Avaí (0)

Glédson; Iury (Gustavo Modesto), Betão, Rafael Pereira e Diego Renan; Bruno Silva, Marcos Serrato (Valdívia) e Lourenço (Wesley Soares); Vinícius Leite (Jonathan), Copete e Júnior Dutra (Getúlio). Técnico: Claudinei Oliveira.

Local: Estádio Barradão, em Salvador-BA.

Árbitro: Ivan da Silva Guimarães Júnior (AM).

Assistentes: Marcos Santos Vieira e Uesclei Regison Pereira dos Santos (ambos AM).

Trending