conecte-se conosco

PBSérie DÚltimas

Apesar da vitória na ida contra Guarany, Campinense reclama da arbitragem

Foto: Sammy Oliveira/Campinense

Publicados

em

Com um gol aos 46 minutos do segundo tempo, o Campinense venceu o Guarany de Sobral por 2 a 1 na partida de ida das oitavas de final da Série D e agora joga por um empate no jogo de volta, domingo, no estádio do Junco, para avançar na competição e seguir na luta pelo acesso. No entanto, apesar da vantagem, a diretoria raposeira enviou nesta segunda-feira (27) ofícios à Federação Paraibana de Futebol, a Comissão Estadual de Arbitragem da Paraíba e a Comissão de Arbitragem da CBF reclamando da atuação do árbitro Alinor Silva da Paixão, do Mato Grosso.

A principal queixa da direção rubro-negra foi no lance que gerou o gol de empate do Guarany de Sobral, aos 38 minutos do primeiro tempo. Na reclamação, o Campinense apontou um suposto lance de penalidade sobre Marcos Nunes, que estava na grande área para finalizar, mas acabou desarmado por André Mascena. A sequência da jogada terminou no gol de empate do Guarany.

Em um dos ofícios, o Campinense pede para que a Comissão Estadual de Arbitragem da Paraíba envie um representante para Sobral. Além disso, o clube também pediu que um parecer seja enviado informando o problema que, na visão da equipe paraibana, aconteceu na partida.

Vale ressaltar que o Guarany de Sobral tem um dos melhores desempenhos como mandate nesta Série D, com sete vitórias e apenas um empate. Para se classificar, a equipe cearense precisa de um triunfo por dois gols de vantagem. Se os donos da casa vencerem por diferença de um gol (por qualquer placar), a decisão será nos pênaltis. Qualquer outro cenário classifica o Campinense.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending