conecte-se conosco

ConfiançaSESérie BÚltimas

Confiança tem melhor série defensiva desde acesso e boa sequência traz esperança

Publicados

em

Se antes, o Confiança viveu uma sequência de apenas uma vitória em 17 jogos, o time sergipano conseguiu dar uma volta por cima e não perde a quatro jogos, com direito a três partidas sem gols sofridos. Nisso, o time vive seu melhor momento na atual Série B, além da melhor sequência defensiva desde o acesso à Segundona.

Na atual série de jogos, o Confiança empatou em 1 a 1 com o Brasil em Pelotas, venceu o Sampaio Corrêa por 2 a 0 em Aracaju, empatou sem gols com o Vila Nova em Goiânia e bateu o Operário Ferroviário por 1 a 0 em casa.

Assim, o time acumulou oito pontos nos últimos quatro jogos. Nesse recorte de quatro partidas, apenas cinco times pontuaram mais que o Dragão, com o líder Coritiba somando 10 pontos, e Botafogo, Avaí, CSA e Clube do Remo fazendo oito pontos.

Com isso, o time ganhou um reforço de pontuação na briga contra o rebaixamento, mas segue na vice-lanterna da competição, seis pontos atrás do Londrina, primeiro time fora do Z4.

Disputando a Série B desde o ano passado, o Confiança chegou a ter sequências melhores quando falamos em pontuação e em invencibilidade na temporada passada. Nos “clean sheets”, nome dado aos jogos sem sofrer gols, porém, a marca atual já é a melhor do clube nos dois anos.

Na Série B de 2020, viveu duas invencibilidades de quatro jogos e uma de seis partidas. Em duas oportunidades, inclusive, o time conseguiu somar 10 pontos em um recorte de quatro jogos, com três vitórias e um empate, superando o recorte atual do Dragão.

As melhores séries de partidas sem gols sofridos, porém, eram de apenas dois jogos, conseguidos contra primeiro contra Figueirense e Vitória e depois novamente contra CRB e Náutico. No primeiro turno deste ano, o Confiança também tinha conseguido uma série de dois jogos, ao vencer o Vila Nova por 1 a 0 e empatar sem gols com o Operário.

Luizinho Lopes

Na visão do treinador do time, Luizinho Lopes, esse bom momento passa por uma virada de chave no clube, com uma nova motivação sendo trazida aos jogadores.

“Essa mudança de chave tem feito a diferença, se nós não tivermos mudado essa questão anímica, de energia, de acreditar, com o tamanho da dificuldade, nós não tínhamos evoluído fisicamente e taticamente. Então os jogadores seguem firmes e já temos um jogo logo. A Série B é uma competição muito difícil, uma competição de resistência, a gente precisa continuar com os pés fincados no chão e ainda não dá pra descansar”.

Nesse cenário, Luizinho também aproveitou para parabenizar o elenco pelo trabalho que tem sido feito, mostrando otimismo no momento do clube.

“Quero parabenizar esses atletas do grupo todo. Nosso vestiário está muito bom, muito bacana. A caminhada é muito longa, mas já começou a tirar uma diferença grande. Na nossa chegada, a diferença era de doze pontos para sair do Z4, hoje, já é de seis. Seguimos com os pés no chão e trabalhando forte”.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending