conecte-se conosco

PESérie ASportÚltimas

Técnico exalta Zé Welison e pede presença no ataque do Sport: ‘Se acostume a fazer gols’

Volante também falou a implementação do trabalho do técnico paraguaio

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

O volante Zé Welison vem demonstrando uma boa regularidade no Sport, apesar da campanha ruim do time, e fez a melhor partida diante do Juventude, na última quarta-feira. Com um gol e uma assistência na vitória por 3 a 1, recebeu moral do técnico Gustavo Florentín, que exaltou não apenas a atuação do jogador, mas também o leque de opções que ele oferece à equipe. 

LEIA: Sport reduz preços para jogo com Corinthians e em um dia supera primeira venda de ingressos

“Ele é um jogador que tem muita qualidade, muita qualidade. Um jogador que tem uma dobradinha ofensiva e defensiva, e teve muito mais confiança depois do gol”, disse Florentín. 

Além disso, o treinador paraguaio revelou uma cobrança para que os volantes e, principalmente, Zé Welison, que é quem tem essa característica no time titular, apareçam com frequência na área e possa finalizar – foi assim, inclusive, o gol marcado contra o time gaúcho, de cabeça após cruzamento de Everaldo.

“Exigimos muito para que os volantes possam pisar na área adversária. E que se acostumem a fazer gols. Feliz por ele e pelo bom trabalho que ele fez”, acrescentou o comandante. 

O volante, por sua vez, em entrevista na última quinta-feira, também falou sobre o treinador e retribuiu os elogios, destacando o estilo diferente de trabalho do paraguaio. 

“Florentín vem de uma cultura diferente, onde ele tem uma vocação diferente de trabalho. Ele vem implantando isso no dia-a-dia e a gente vem procurando absorver o mais rápido possível. Estamos vendo o padrão de jogo que ele vem nos oferecendo, procurando colocar em prática. É o que estamos fazendo durante as partidas”, afirmou p jogador.

Zé Welison chegou ao Sport em abril, mas demorou a ter sequência. Depois de Umberto Louzer testar Júnior Tavares, Ricardinho e Betinho ao lado de Marcão, recorreu a ele já com a Série A em andamento. E quando o volante entrou não saiu mais, trazendo tanto consistência na marcação quanto boa distribuição de jogo. No total, possui 18 partidas pela equipe. 

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending