conecte-se conosco

BABahiaSérie AÚltimas

Na volta da torcida à Arena Fonte Nova, Bahia pressiona, mas empata com o Palmeiras

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

Publicados

em

O Bahia reencontrou a torcida na Arena Fonte Nova após um ano e sete meses. Um momento esperado e vivido pelos tricolores com alegria pelo o que se viu fora das quatro linhas. Em campo, contudo, o resultado não foi o ideal. Apesar de ter sido melhor e pressionado em quase todo o segundo tempo, o Esquadrão ficou no empate por 0x0 com o Palmeiras.

Com o resultado o Tricolor segue na zona de rebaixamento, no 17º lugar e com 27 pontos. No próximo sábado (16), o Bahia enfrentará o América-MG, às 21h, no Independência. Enquanto o Palmeiras caiu para a 4ª colocação com 40 pontos e receberá o Internacional, domingo (17), às 16h, no Allianz Parque.

Alternância de chances

A partida foi equilibrada no primeiro tempo e com alternância de domínio ofensivo, além de chances criadas. O Bahia começou sendo mais incisivo. Logo no início, Gilberto chegou pela direita e Luan mandou para escanteio. Já Daniel tentou de fora da área e a bola passou por cima da meta de Jailson.

Da metade para o final do primeiro tempo, o Palmeiras foi mais perigoso. Aos 37, Luiz Adriano tentou duas vezes. na segunda, chutou e Danilo Fernandes fez uma grande defesa. Depois, Raphael Veiga puxou um contra-ataque e chutou de longe para fora.

Pressão freada por Jailson

O Bahia fez uma verdadeira blitz no campo de ataque na volta do intervalo. Pior para Jailson que teve muito trabalho. Aos 13 minutos, Gilberto bateu de primeira e o goleiro palmeirense fez uma grande defesa. Na sequência, ele pegou a bola arrematada por Daniel para a zaga afastar depois.

Ronaldo também teve a sua chance após cruzamento de Nino Paraíba. Já Mugni mandou da entrada da área e, outra vez, Jailson salvou. Nos minutos finais, Wesley foi expulso após atingir o rosto de Guedes com o pé de forma imprudente. 

A torcida, que tentou empurrar o Bahia o jogo todo, se animou após o cartão vermelho. Apoiou a equipe até o último lance. Mas nem a pressão fez com que o gol saísse e o 0x0 seguiu até o apito final.

Ficha do jogo

Bahia 0
Danilo Fernandes; Nino Paraíba (Guedes), Conti, Luiz Otávio e Matheus Bahia; Patrick, Daniel (Rodriguinho), Raí Nascimento (Rodallega), Mugni e Juninho Capixaba; Gilberto (Ronaldo). Técnico: Guto Ferreira.

Palmeiras 0
Jailson; Gabriel Menino (Wesley), Kuscevic (Renan), Luan e Jorge; Felipe Melo, Patrick de Paula (Danilo Barbosa) e Raphael Veiga; Rony, Dudu (Matheus Fernandes) e Luiz Adriano (Deyverson). Técnico: Abel Ferreira.

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador-BA.
Árbitro: Ramon Abatti Abel (SC).
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro (SC) e Éder Alexandre (SC).
Cartões amarelos: Ramírez, Ronaldo e Daniel (Bahia); Kuscevic, Mugni e Rony (Palmeiras).
Cartão vermelho: Wesley (Palmeiras).
Público e renda: 4.509 / R$ 32.480

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending