conecte-se conosco

CECearáSérie AÚltimas

Ceará sai atrás e busca empate nos acréscimos contra o Bragantino

Foto: Felipe Santos / Ceará SC

Publicados

em

O Ceará superou os erros defensivos e até um pouco de falta de sorte em grande parte do jogo para empatar com o Bragantino por 2×2, na noite deste domingo (17), no Castelão. O Massa Bruta abriu 2×0 com Helinho e Alerrandro. Mas o Vozão foi buscar um ponto com Fabrício Bruno, marcando contra, aos 45 do 2ºT, e Gabriel Lacerda, aos 52 minutos, e conquistar um importante resultado, sobretudo pela reação.

Com o empate, o Ceará subiu para o 13º lugar com 31 pontos e ainda segue próximo da zona de rebaixamento. No próximo sábado (23), o adversário será o Juventude, às 17h, no Alfredo Jaconi. Já o Bragantino está na 5ª colocação com 42 pontos e enfrentará o São Paulo, domingo, às 18h15, no Nabi Abi Chedid.

Vozão atrás e com chances desperdiçadas

Assim que a bola rolou, o Ceará tentou impôr o ritmo do jogo. Porém, um erro na saída de bola, aos 11 minutos, colocou a equipe em desvantagem. O Bragantino aproveitou a chance com Helinho, que tabelou com Hurtado e chutou no canto sem chances para Richard.

Na sequência, o Vozão poderia ter tido uma oportunidade de empatar quando o árbitro marcou um pênalti de Luan em Erick. No entanto, após revisão do VAR, a falta foi anulada. Mas os donos da casa tiveram outras chances para igualar o marcador. Erick, pela primeira vez como titular, foi o jogador mais incisivo e deu trabalho à defesa do Bragantino.

Por outro lado, Richard também teve participação efetiva em um chute de Hurtado. Já na reta final do primeiro tempo, os bons momentos do Ceará foram com Cléber. Na primeira, ele chutou da entrada da área e mandou por cima. Depois, ele mandou de cabeça pela linha de fundo.

Agressividade no ataque e falha de Richard

Na volta do intervalo, o Ceará partiu para cima do Bragantino para chegar ao empate. Com intensidade, a equipe alvinegra chegou com perigo antes do primeiro minuto com Cléber para a defesa de Cleiton. Já Erick fez uma boa jogada pela direita, chutou e a bola desviou em Natan para bater na trave. 

O problema é que, com a pressão, o Vozão cedeu espaços e o Bragantino aproveitou. Em um rápido contra-ataque, Alerrandro avançou, Richard tentou sair e voltou para o gol num momento de indecisão. O jogador do Massa Bruta chutou de fora da área e Richard aceitou. A bola bateu nele e entrou para fazer 2×0, aos 24 minutos. Até o final da partida, o Ceará manteve a postura de pressionar e diminuiu o placar. Aos 45, Gabriel Santos avançou pela direita, chutou e Fabrício Bruno desviou contra as próprias redes para deixar o marcador em 2×1. E no último lance do jogo, Gabriel Lacerda aproveitou uma sobra na área para empatar e garantir um ponto ao Alvinegro.

Ficha do jogo

Ceará 2
Richard; Igor (Rick), Messias, Gabriel Lacerda e Bruno Pacheco (Kelvyn); Marlon (Gabriel Santos), Fernando Sobral e Vina; Mendoza (Lima), Erick e Cléber (Jael). Técnico: Tiago Nunes.

Bragantino 2
Cleiton; Aderlan, Fabricío Bruno, Natan e Luan Cândido; Jadsom Silva, Emiliano Martínez (Luciano) e Helinho (Cristiano); Cuello (Weverton), Pedrinho (Gabriel Novaes) e Hurtado (Alerrandro). Técnico: Maurício Barbieri.

Local: Arena Castelão, em Fortaleza-CE.
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa (RJ) e Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha (RJ).
Gols: Helinho (Bragantino), aos 11 do 1ºT; Alerrandro (Bragantino), aos 24 do 2ºT; Fabrício Bruno contra (Bragantino), aos 45 do 2ºT; Gabriel Lacerda (Ceará), aos 52 do 2ºT.
Cartões amarelos: Bruno Pacheco (Ceará); Lucas Cândido, Pedrinho, Hurtado, Cristiano e Emiliano Martínez(Bragantino).

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending