conecte-se conosco
WagnerLopes_Vitória WagnerLopes_Vitória

ALBACSASérie BÚltimasVitória

Após derrota, Wagner Lopes defende Roberto e admite falta de competência do Vitória para fazer o gol

Foto: Pietro Carpi / EC Vitória / Divulgação

Publicados

em

Em tom de lamentação, Wagner Lopes analisou a derrota do Vitória por 1 a 0 para o CSA, na noite desta terça-feira, no Barradão. Em confronto vital para as pretensões rubro-negras na luta contra o rebaixamento, o comandante saiu em defesa de Roberto, que perdeu pênalti no segundo tempo, e admitiu que faltou competência para o clube baiano fazer o gol.

– Agradecer ao nosso torcedor pelo apoio. Pedir desculpas. Nós não tivemos competência para fazer o gol, para empatar e, depois, virar. Chutamos a gol 27 vezes. Infelizmente, acertamos poucas. Com a superioridade numérica, a gente sempre fala de criar situações de superioridade, triangulações, entrar pelas beiradas, movimentação, aproximar para jogar, para construir a finalização, finalizar melhor, acertar o gol nas finalizações. Conforme o tempo foi passando, a gente aumentou o ritmo. Mas o nervosismo tomou conta. E nós não tivemos calma para empatar o jogo. É pedir desculpa. Dizer que não está faltando vontade. Os jogadores lutaram. Mas, infelizmente, nós não conseguimos usar a condição de ter um a mais para poder envolver o adversário e fazer o gol, destacou.

Com o revés, o Vitória, que tinha a grande chance de deixar o Z4 da Série B após 17 rodadas em caso de triunfo, aliado a tropeços dos rivais, estaciona na 18ª posição, com 33 conquistados. Na próxima sexta, o Rubro-negro volta a campo diante do Avaí, na Ressacada.

Trending