conecte-se conosco
Dellatorre, do CSA Dellatorre, do CSA

ALCSASérie BÚltimas

Embalou: no Rei Pelé, CSA vence o Remo e entra no G4 da Série B do Brasileirão

Azulão faz dever de casa ao abrir rodada e joga pressão para rivais

Foto: Augusto Oliveira/ Dellatorre

Publicados

em

O CSA se impôs e venceu o Remo por 2 a 0, na noite desta sexta-feira, no Rei Pelé. Os gols do Azulão foram marcados por Marco Túlio, no primeiro tempo, e Dellatorre, na etapa complementar, em confronto válido pela 34ª rodada do Brasileirão.

E agora?

Com o resultado, o Azulão chegou à terceira vitória consecutiva e entrou no G4 da Segundona, em quarto lugar, com 54 pontos – empatado com Goiás e CRB, mas com vitórias a mais: 16 contra 14 de ambos os adversários, que ainda jogam na rodada. O Guarani, que tem 52, é outro que também pode ultrapassá-lo.

Na sequência do campeonato, a equipe alagoana enfrenta o Avaí, nesta segunda-feira, na Ressacada.

O jogo

O Azulão começou a partida levando um susto em vacilo da defesa que deixou Victor Andrade receber finalização e isolar na frente de Thiago Rodrigues, mas rapidamente tomou as rédeas do jogo. Em casa, embalado e precisando da vitória, o CSA encontrou dificuldades de criação, mas conseguiu impor o ritmo. Principalmente em jogadas aéreas.

Na primeira delas, aos nove, Iury Castilho cruzou e Dellatorre cabeceou muito bem de cabeça, mas viu Thiago fazer grande defesa. Rondando a área, o time alagoano pouco infiltrou e recorreu aos lançamentos. E, assim, abriu o placar com Marco Túlio, que completou para o fundo das redes, de cabeça, no segundo pau, cruzamento de Iuri Castilho, aos 28. Um a zero para o Azulão.

A partir daí, o CSA diminuiu um pouco o ímpeto após abrir o placar, mas seguiu controlando o jogo. A etapa inicial chegou ao fim com 65% de posse de bola para a equipe alagoana.

Segundo tempo

Na etapa complementar, o Azulão sofreu um pouco mais. Muito em função do volume do Remo, que voltou melhor para a etapa complementar e ficou mais com a bola. O CSA, porém, conseguiu conter as tentativas do time paraense e contou com Thiago Rodrigues bem quando precisou: das nove finalizações (triplo em relação ao primeiro tempo) do Leão, apenas uma foi no gol, onde o goleiro alagoano fez grande defesa.

Por outro lado, quando viu o Remo diminuir o forte ímpeto do começo do segundo tempo, o CSA voltou a apostar no jogo aéreo. E obteve sucesso mais uma vez. Clayton fez cruzamento e Dellatorre cabeceou bem, entre a defesa paraense, para ampliar e fazer 2 a 0, aos 29.

O gol deu ainda mais força ao CSA e murchou o Remo. Assim, a equipe comandada por Mozart conseguiu administrar o resultado, vencer mais uma e entrar no G4 da Segundona.

Ficha

CSA

Thiago Rodrigues; Yuri, Matheus Felipe, Lucão, Kevyn; Geovane (Renato Cajá), Geovane Silva, Gabriel (Clayton); Marco Túlio (Gabriel Tonini), Dellatorre (Rodrigo Rodrigues) e Iury Castilho (Reinaldo). Técnico: Mozart

Remo

Thiago; Thiago Ennes (Wellington Silva), Rafael Jensen, Romercio, Raimar (Igor Fernandes); Lucas (Ronald), Anderson Uchoa, Arthur Santos (Pingo); Lucas Tocantins (Jefferson), Neto Pessôa e Victor Andrade. Técnico: Felipe Conceição

Local: Estádio Rei Pelé, Maceió
Gols: Marco Túlio e Dellatorre (CSA)
Cartões amarelos: Pingo, Anderson Uchoa, Victor Andrade (Remo); Reinaldo (CSA)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending