conecte-se conosco

CECearáPESérie ASportÚltimas

No Castelão, Ceará vence e amplia drama do Sport no Brasileirão

Rubro-negro afunda na zona de rebaixamento; Vozão sobe para décimo

Foto: Brasileirão, via Lucas Emanuel/ Pera Photo Press

Publicados

em

O Ceará aproveitou as oportunidades que teve e venceu o Sport por 2 a 1, na noite deste domingo, no Castelão. O Vozão foi inferior no primeiro tempo, mas marcou na única finalização com Vina. Na equilibrada etapa complementar, o Leão empatou com Mikael, mas o Alvinegro deu números finais ao jogo com Marlon, em duelo válido pela 33ª rodada do Campeonato Brasileirão.

E agora?

Com o resultado, o time cearense subiu ao décimo lugar, com 42 pontos, enquanto a equipe pernambucana fica em situação ainda mais dramática, em 18º, com 30, seis abaixo do Bahia, que abre a zona de rebaixamento e ainda possui dois jogos a mais.

Na sequência do campeonato, o Alvinegro faz clássico com o Fortaleza nesta quarta, enquanto o Rubro-negro recebe o Bahia, quinta.

O jogo

O primeiro tempo teve o Sport superior, inclusive desde o começo. Em casa, o Ceará não conseguiu impor uma pressão inicial e foi do Rubro-negro as melhores chances. Principalmente em chutes de fora da área, já que o Vozão cedeu espaços na marcação.

Aos quatro Moccelin tentou da meia lua e exigiu boa defesa de João Ricardo. No lance seguinte, foi a vez de Zé Welison arriscar de longe e parar novamente no goleiro, que em ambas espalmou para escanteio.

Bastou, entretanto, uma investida para o Alvinegro abrir o placar. Em lateral batido diretamente para a área, Jael fez o pivô e acionou Vina entrando na área, que bateu de primeira, forte, no canto, sem chances de defesa para Mailson, aos dez minutos. Vozão na frente em um descuido da defesa leonina.

Em vantagem, o Ceará adotou uma postura reativa, marcando em linhas baixas para tentar sair no contra-ataque diante de um Sport que teria que ir para cima em busca do resultado. Porém, o Alvinegro não conseguiu impedir as investidas do clube pernambucano e muito menos encaixar transições rápidas para ampliar – finalizou só uma vez, justamente a do gol.

Desta forma, a etapa inicial terminou sendo toda do Sport – teve 63% de posse e 12 finalizações -, que por pouco não marcou em dois lances. Ambos em cruzamentos. Primeiro, Sabino completou falta frontal alçada na área e a bola passou muito perto. Depois, Mikael arriscou bicicleta e viu João Ricardo ir buscar, no ângulo.

Segundo tempo

Para a etapa complementar, o Alvinegro voltou com mais ímpeto em relação ao primeiro tempo, onde buscou ser reativo após abrir o placar. o Rubro-negro, por sua vez, manteve a postura em busca do empate.

E o jogo apresentou-se, desta forma, com espaço para ambos os times. E teve alternância de ações. Primeiro, Mendoza acertou a trave em tentativa da entrada da área. Depois, Mikael parou em João Ricardo em finalização de primeira após jogada de Zé Welison. Lá e cá, acabou que o Sport levou a melhor.

Aos 16 minutos, Mikael ganhou disputa de bola com Luiz Otávio dentro da área e finalizou sem chances de defesa, enfim, superando João Ricardo. Um a um no Castelão. Após a igual, o panorama do jogo seguiu o mesmo: aberto, já que o empate não era bom para nenhum dos dois times.

O duelo, porém, ficou concentrado no meio de campo, mas com leve superioridade na posse de bola para o Vozão. E, na bola parada, o Alvinegro conseguiu levar a melhor. Após cruzamento na área do Sport, a bola ficou viva, Hernanes não afastou e Marlon aproveitou a sobra para desempatar, aos 35. Vozão novamente na frente.

Na reta final do jogo, o Rubro-negro foi com tudo para cima e rondou a área, mas parou no sistema defensivo do Vozão, que segurou a vantagem e a vitória.

Ficha

Ceará

João Ricardo; Igor (Gabriel Dias), Messias, Luiz Otávio, Bruno Pacheco; Fabinho (William Oliveira), Marlon, Vina; Lima (Rick), Jael (Cléber) e Mendoza (Gabriel Lacerda). Técnico: Tiago Nunes

Sport

Mailson; Ewerthon, Rafael Thyere, Sabino, Sander; Marcão, Zé Welison, Hernanes (Cristiano), Everton Felipe (Luciano Juba); Mikael e Paulinho Moccelin (Tréllez). Técnico: Gustavo Florentín

Local: Estádio Castelão, Fortaleza
Gols: Vina, Marlon (CEA); Mikael (SPO)
Cartões amarelos: Jael (CEA); Rafael Thyere (SPO)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending