conecte-se conosco
Daniel, meia do Bahia Daniel, meia do Bahia

BABahiaSérie AÚltimas

De olho no Grêmio, meia do Bahia quer time “mais preparado psicologicamente” na sexta-feira

Foto: Felipe Oliveira/Bahia

Publicados

em

O Bahia quer dar fim à sequência de três jogos seguidos sem triunfo no Brasileirão, que culminaram com a volta da equipe para a zona de rebaixamento. O Tricolor terá nesta sexta-feira (26), diante do Grêmio, uma verdadeira decisão diante de um adversário direto nesta luta. Diferentemente do que aconteceu nos últimos jogos, o Esquadrão pretende entrar “mais preparado psicologicamente” em campo.

Isso porque, na visão do elenco, o Bahia vinha apresentando uma ansiedade para realizar as jogadas que atrapalhou bastante o rendimento coletivo. Assim, corrigindo essa questão, o time crê na conquista dos três pontos contra os gaúchos.

“Hoje o Grêmio tem mais um jogo. Vai ser mais um dia de estudo sobre a equipe deles. Óbvio que, fora de casa, vão jogar um pouco diferente do que vão jogar hoje. Mas, diferente do Cuiabá, quando falei da ansiedade, o nosso time tem que entrar mais preparado psicologicamente, não deixar a ansiedade atrapalhar a gente. Com a bola no pé, não (podemos) ficar correndo errado como corremos no primeiro tempo (do último jogo). O principal vai ser isso, o fator psicológico. Conseguir pressionar bastante a equipe deles, não deixar ficar com a bola. Acho que esse é o principal fator”, disse o meia Daniel.

O meio-campista lamentou a queda de desempenho do Bahia nos últimos jogos. Depois das derrotas para Flamengo e Sport, fora de casa, e o empate em 0 a 0 com o Cuiabá, tendo visto o adversário balançar as redes duas vezes – mas com gols anulados pela arbitragem -, o Tricolor passou longe de ter um rendimento aceitável, muito por conta da ânsia de corrigir o que fez nas duas partidas longe de Salvador. Por isso Daniel pede cabeça fria para que o resultado seja diferente contra o Grêmio.

“Infelizmente tivemos essa oscilação nessas duas partidas onde não poderíamos ter tido. Acho que contra o Cuiabá nós entramos ansiosos demais no primeiro tempo, até por ter vindo de um resultado negativo num jogo muito importante contra o Sport. Então entramos muito querendo fazer o resultado logo e acabamos pecando em muitas decisões dentro de campo. Então acho que para sexta-feira nós temos que entrar com mais calma, com a cabeça mais fria, que assim a gente vai conseguir os três pontos”, finalizou o jogador do Bahia.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending