conecte-se conosco
Rossi, do Bahia Rossi, do Bahia

BABahiaSérie AÚltimas

Rossi desfalca Bahia na decisão contra Fortaleza; técnico vê expulsão rigorosa

Publicados

em

O atacante Rossi vem sendo importante para o Bahia desde que voltou de lesão na coxa, que o tirou por quase dois meses de campo. Porém, no triunfo em cima do Fluminense, o jogador foi expulso mais uma vez. Agora, desfalca o Tricolor de Aço no jogo mais importante do ano, contra o Fortaleza. O duelo será disputado na próxima quinta-feira (9), às 21h30, na Arena Castelão, na capital cearense.

Rossi já havia sido expulso na derrota do Bahia para o Flamengo, no Maracanã, no dia 11 de novembro. No lugar dele, a tendência é que o técnico Guto Ferreira escale Juninho Capixaba no setor. O lateral-esquerdo vinha sendo utilizado na ponta há algumas rodadas e tem rendido bem na função.

Guto achou a expulsão rigorosa por parte do árbitro Luís Flávio de Oliveira, do estado de São Paulo. De acordo com o treinador, Rossi foi agredido fisicamente pelo zagueiro Manoel, do Fluminense, e não revidou, apesar da discussão acalorada entre os dois. O técnico não reclamou do árbitro pois, segundo ele, o considera um dos melhores do Brasil.

“Achei que foi (rigoroso). Embora tenha havido uma discussão verbal, o Rossi não agrediu. O Rossi foi pego pelo pescoço, mas não retribuiu a agressão. A agressão dele foi verbal, e ele acabou tendo a mesma punição de quem fez uma agressão física. Embora tenha tido essa situação, tenha tido a situação de um pênalti, continuo achando o Luís Flávio um dos três melhores árbitros do Brasil. É um cara experiente, íntegro, que busca a perfeição em suas arbitragens. Quando ele apita jogos nossos, fico tranquilo porque sei que quando tiver um erro não vai ser porque teve algum tipo de má fé”, disse o comandante do Bahia.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending