conecte-se conosco
Azulão_Náutico Azulão_Náutico

NáuticoPE

Morre Azulão, goleiro tricampeão pernambucano pelo Náutico na década de 1950

Foto: Reprodução/Twitter

Publicados

em

Morreu na manhã desta quinta-feira Luís Araújo, mais conhecido como Azulão, goleiro reserva que conquistou o tricampeonato pernambucano pelo Náutico em 1950, 1951 e 1952. Azulão, de 94 anos, era o jogador campeão pelo clube mais velho ainda vivo e faleceu por “causas” naturais, de acordo com relatos familiares. O velório acontecerá às 15h, no cemitério Morada da Paz, em Paulista; o enterro, às 17h30.

Em solidariedade, o clube alvirrubro publicou uma nota em se perfil oficial do Twitter, desejando sentimentos aos amigos e familiares de Azulão.

“Nossa quinta-feira começou com uma notícia triste. Azulão, goleiro alvirrubro tricampeão na década de 1950, nos deixou. Nossos sentimentos aos amigos e familiares deste importante nome da nossa história. Suas conquistas com o manto alvirrubro serão sempre lembradas”, postou o Timbu em sua rede social.

Em março de 2017, através do seu filho, Paulo Araújo, Azulão teve um livro para chamar de seu: o “Come e Dorme”, inspirado em um dos hinos do Náutico, que contava histórias do ex-goleiro no escrete alvirrubro.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending