conecte-se conosco
TimefemininoVitória TimefemininoVitória

BAÚltimasVitória

Time feminino do Vitória amarga três meses de salários atrasados e pode não competir em 2022

Foto: Maurícia da Matta/Divulgação/EC Vitória

Publicados

em

Rebaixado para a Série A3 do Brasileiro, o time feminino do Vitória também convive com problema extra campo: os salários atrasados. Segundo apurou o Globoesporte/BA, os vencimentos referentes aos meses de outubro, novembro e dezembro ainda não foram pagos pela direção do Leão baiano.

Mas não é tão somente o plantel profissional que convive com débitos não pagos. As jogadores da base do Vitória também amargam salários atrasados. Por causa disso, o clube corre risco de não disputar as competições do próximo ano: Copa do Nordeste, Campeonato Baiano e a Série A-3.

Também de acordo com informações colhidas pelo portal, algumas atletas do time rubro-negro optaram por deixar o clube e voltaram às cidades de origem para trabalhar em outros setores. Duas jogadores, inclusive, aguardam cirurgia e tratamento, mas até agora não receberam suporte médico necessário por parte do Vitória.

Trending