conecte-se conosco

CECearáCopa do BrasilSérie AÚltimas

Com gol de Vina, Ceará bate Santos e avança na Copa do Brasil

Publicados

em

Último representante nordestino na Copa do Brasil, o Ceará segue vivo na competição. Em um jogo equilibrado no primeiro tempo, mas com o Vozão mais eficiente na etapa final, o Vozão derrotou o Santos por 1 a 0, no Castelão, gol do meia Vina, chegando pela sexta vez na sua história às quartas de final da competição. Com a classificação, o alvinegro fatura mais R$ 3,3 milhões de premiação. Como vem desde a primeira fase, o acúmulo de cotas já chega a R$ 11,38 milhões.

O adversário da próxima fase, bem com a ordem dos mandos, sairá por sorteio feito pela CBF. De quebra, o Ceará derrubou um jejum de dez anos sem derrotar o Peixe, por qualquer competição (nesse período foram oito encontros, com seis vitórias paulistas e um empate).

Mais uma vez, o time de Guto Ferreira soube ser eficiente e competitivo, apesar de correr riscos no primeiro tempo (o venezuelano Soteldo perdeu um gol cara a cara com Fernando Prass após contra-ataque e o próprio goleiro também deu seus sustos). Mas o Ceará também teve uma grande chance desperdiçada nos pés de Rafael Sóbis, mais uma vez atuando como homem mais centralizado no ataque.

Na etapa final, porém, o Ceará foi bem melhor e praticamente não sendo ameaçado (mesmo após abrir o placar). O gol que garantiu a vitória veio aos 24 minutos, com um belo voleio de Vina. Superioridade que definiu a partida e a classificação, após o empate sem gols no jogo de ida, na Vila Belmiro.

Estatísticas

Posse de bola: Ceará 40% x 60% Santos
Finalizações: Ceará 13 x 12 Santos
Finalizações no gol: Ceará 6 x 0 Santos
Passes certos: Ceará 234 (75%) x 399 (82%) Santos
Faltas: Ceará 16 x 9 Santos
Desarmes: Ceará 6x 10 Santos

Fonte: SofaScore

Cássio Zirpoli relembra as outras vezes em que o Ceará chegou às quartas de final da Copa do Brasil e também o histórico dos clubes nordestinos na competição

Melhores em campo

Mais uma vez, Vina fez a diferença a favor do Vozão, marcando o seu 15º gol na temporada, o seu terceiro na Copa do Brasil. Gol de quem tem qualidade, ao acertar um belo voleio aos 24 minutos do segundo tempo. Porém, além do brilho individual do seu maestro, o Ceará foi bem como um todo. Menção honrosa também para a atuação de Rafael Sóbis, apesar do atacante desperdiçar a melhor chance cearense no primeiro tempo.

Piores em campo

Com um bom jogo de conjunto, nenhum jogador comprometeu de fato a atuação do Ceará. Porém, a atuação de Fernando Sobral ficou novamente abaixo do que o jogador pode render (apesar de ume melhora no segundo tempo). Faltou, porém, mais participação efetiva na construção ofensiva, apesar da sempre entrega na recomposição defensiva.

A estreia de Vizeu

Contratado para ser o homem gol do Ceará, Felipe Vizeu foi acionado pela primeira vez pelo técnico Guto Ferreira aos 23 minutos do segundo tempo, na vaga de Rafael Sóbis, e deixou uma boa impressão inicial. Participando, inclusive, do lance do gol de Vina. A nova peça do ataque do Vozão ainda teve uma boa chance, aos 32, mas chegou atrasado no cruzamento de Fernando Sobral.

Foto: Felipe Santos / Ceará SC

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending