conecte-se conosco

BASérie BÚltimasVitória

Rodrigo Chagas espera mudança de atitude no Vitória após goleada

Foto: Divulgação/EC Vitória

Publicados

em

Sem vencer há quatro rodadas (um empate e três derrotas), e com apenas um triunfo nos últimos oito jogos, o Vitória se vê cada vez mais ameaçado pela zona de rebaixamento da Série B, estando a apenas um ponto do Figueirense, que abre a área de degola, na 17ª posição. E após a goleada sofrida para o América-MG por 4 a 0, no último sábado, o técnico Rodrigo Chagas reconheceu que esperava outra atitude da equipe em campo. Algo que espera conseguir nas próximas rodadas.

“Achei que íamos entrar com uma atitude diferente, principalmente na questão de marcação. Eu gostaria que meu time fosse mais agressivo, e realmente isso não aconteceu”, lamentou. “A gente sabia das dificuldades que iriam acontecer. Mas não aconteceu como nós prevíamos, como queríamos. Agora é trabalhar mais o psicológico dos nossos atletas, fazer com que eles entendam que a gente tem que ter uma atitude diferente nos próximos jogos que virão pela frente”, completou.

O Rubro-negro volta a campo na próxima quarta-feira, para encarar o Avaí, no estádio da Ressacada, em Florianópolis. Na 7ª posição, com 47 pontos, a  equipe catarinense ainda sonha com o acesso à Série A. Está a cinco pontos do CSA, que fecha o G4.

“ Acho que a gente tem que melhorar, sim, em vários aspectos, para que a gente possa sair deste momento ruim. A gente sempre trabalha com esse intuito de melhorar nossa equipe no dia a dia, jogo a jogo”, finalizou Chagas, que após ter sido efetivado no cargo de técnico do Vitória, também ficou no empate com o Operário por 1 a 1, no Barradão.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending