conecte-se conosco

BABahiaCECearáFortalezaSérie AÚltimas

MPCE recomenda que jogo entre Fortaleza e Bahia respeite decreto

Publicados

em

Após a CBF confirmar a partida deste sábado entre Fortaleza e Bahia para o Castelão às 21h, indo de encontro ao toque de recolher decretado pelo Governo do Ceará para o combate da pandemia da Covid-19, uma nova decisão pode, mais uma vez, colocar em risco a realização da partida como previsto na tabela. 

Nesta sexta-feira (19), o Ministério Público recomendou que os secretários da Casa Civil e da Segurança Pública e Defesa Social do Estado não liberem a realização de jogos de futebol dentro em todo o estado entre as 22h e às 5h, horário de vigência do decreto estadual. Segundo o MPCE, as partidas não são atividades essenciais e, portanto, não podem ser disputadas.

A recomendação do Ministério Público também atinge o jogo entre Ceará e Botafogo, na próxima quinta-feira, também no Castelão, às 21h30, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. A partida pode ser apenas para cumprimento de tabela, caso o Vozão já garanta a vaga na Copa Sul-Americana neste sábado, diante do Coritiba (precisa apenas de um ponto). Já o jogo entre Fortaleza e Bahia é decisivo para os dois clubes na luta contra o rebaixamento.

Segundo o MPCE, a liberação para realização das partidas pode configurar, em tese, “uma afronta aos referidos princípios constitucionais e todas as instituições públicas e privadas devem se submeter de igual modo a aplicação da lei das medidas sanitárias estaduais, conforme vem decidindo o Supremo Tribunal Federal.”

A recomendação foi repassada também para a Federação Cearense de Futebol (FCF), à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e a Ceará e Fortaleza. As entidades têm até este sábado para informar ao órgão sobre o cumprimento da recomendação, sob pena da adoção de medidas legais cabíveis.

Pela manhã, o Governo do Ceará havia liberado a realização das partidas alegando que tratam-se de eventos fechados para o público e respeitarem rigorosamente os protocolos sanitários. O toque de recolher no estado segue válido até o próximo dia 28.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending