conecte-se conosco

ConfiançaEstaduaisSEÚltimas

Com gol polêmico, Confiança vence Atlético e mantém escrita no SE

Foto: Lucas Almeida/ADC
Avatar

Publicados

em

O Confiança manteve a escrita e a invencibilidade em estreias do Campeonato Sergipano, que agora já dura 13 edições. Diante do Atlético Gloriense, que pela primeira vez disputa a Série A1, o Dragão venceu por 2 a 1, na Arena Batistão, com direito a gol polêmico reclamado pelos visitantes. A última derrota proletária na abertura do estadual foi em 2008, contra o São Cristovão (1 a 0)

Dando o devido desconto por ser um jogo de estreia, as duas equipes iniciaram a partida em ritmo lento, apenas arriscando chutes de fora da área. A maioria, sem perigo. Porém, aos 26 minutos, o time proletário conseguiu abrir o placar, com um gol polêmico. 

Após cobrança de falta, o estreante William Santana mandou para as redes. Os jogadores do Atlético Gloriense reclamaram bastante de impedimento no lance.

Logo no início do segundo tempo, a situação se complicou para o Confiança, após o volante Serginho ser expulso. Com um jogador a mais, os visitantes partiram para cima, em busca do empate. Porém, foi o Dragão que chegou mais uma vez as redes, após o zagueiro Talles tocar com a mão dentro da área.

Na cobrança do pênalti, o também estreante Lucas Barcelos ampliou. Porém, o Atlético não se entregou e conseguiu diminuir com Gustavo, nos descontos. Os visitantes chegaram a pressionar nos minutos finais, mas não conseguiram o empate.

No outro jogo que abriu o Campeonato Sergipano, o Lagarto goleou o América de Pedrinhas por 3 a 0.

Na próxima quarta-feira, pela segunda rodada, o Confiança visita o América de Pedrinhas, enquanto o Atlético Gloriense recebe o Dorense, na terça-feira.

Ficha do jogo

Confiança 2
Rafael Santos; Caique Sá (Igor Nelson), Luan, Nirley e Altemar (Morales); Rafael Vila, Serginho e Everton; Marcelinho (Adryan), Iago e William Santana (Cristiano). Técnico: Daniel Paulista

Atlético Gloriense 1
Clezio; Talles, Alisson (Gustavo), Thiago Rangel e Emerson; Elisson, Maxsuel, Ramalho e Jean (Vidinha); Caranguejo (Edison) e Lucas (Fábio Júnior). Técnico: Caio Simões.

Trending