conecte-se conosco

ConfiançaCopa do BrasilPISEÚltimas

4 de Julho pressiona, marca no fim, elimina Confiança e avança na Copa do Brasil

Colorado superou o mau estado do gramado para superar o Dragão

Foto: Reprodução/ge

Publicados

em

Na Arena Ytacoatiara, em Piripiri, um jogo comprometido pelas fortes chuvas que acometeram o gramado. E dramático. Mas que, no fim, o 4 de Julho levou a melhor. Com um a mais na reta final do segundo tempo, o Colorado pressionou e marcou aos 47 minutos com o zagueiro Caio César para vencer o Confiança por 1 a 0 e avançar à segunda fase da Copa do Brasil. De quebra, o time piauiense leva R$ 675 com a classifacação.

Histórico

Em seis participações, esta foi apenas a primeira vez que o time de Piripiri avança de fase na Copa do Brasil. No total, o time tem agora duas vitórias, um empate e sete derrotas na competição.

E agora?

Agora, o 4 de Julho enfrenta o vencedor de Sergipe/SE e Cuiabá/MT na próxima fase. Já o Confiança concentra esforços para a Copa do Nordeste e para o Sergipano.

O jogo

Por conta das fortes chuvas que caíram em Piripiri, a qualidade do jogo ficou bastante comprometida, já que apesar dos esforços dos funcionários e dirigentes dos donos da casa, o gramado ficou bastante encharcado, com poucas condições de a bola rolar.

Assim, os times apelaram muito para a ligação direta – sem sucesso – e cruzamentos. Qualquer falta era oportunidade de colocar a bola na área. Porém, os times poucos assustaram desta forma. O 4 de Julho até foi mais ousado e arriscou chutes de fora da área, com Ted Love e Dudu, mas sem perigo para Rafael Santos.

Segundo tempo

Na etapa complementar, o jogo seguiu a mesma tônica, com o 4 de Julho mais desesperado porque precisava do resultado. Porém, apesar das tentativas de Hiltinho e Ted Love, o ataque piauiense esbarrou no mau gramado e na defesa sergipana.

Com o resultado favorável, o Confiança tentou administrar um pouco mais e, enfim, conseguiu assustar com Bruninho, em cobrança de falta venenosa que Jailson pegou em dois tempos.

Drama e festa no fim

Aos 33 minutos, o jogo ficou ainda mais tenso. Isso porque o volante Gilberto foi expulso e deixou o Dragão com um a menos. Precisando do resultado e em vantagem numérica, o 4 de Julho se mandou de vez para o ataque e tentou o gol de todas as formas. E conseguiu. Nos acréscimos, Dieguinho cobrou escanteio na área, Caio César subiu mais alto que todo mundo e colocou no canto de Rafael Santos para fazer 1 a 0 e garantir a classificação do time piauiense. Festa em Piripiri.

Ficha

4 de Julho

Jailson; André, Caio César, Gilmar Bahia, Chico Bala (Diguinho); Vitor Recife (Pica-pau), Rômulo, Hiltinho; Ted Love, Dudu e Índio (João Pedro). Técnico: Flávio Araújo

Confiança

Rafael Santos; Marcelinho, Nirley, Luan, Everton; Gilberto, Serginho, Bruninho (Cristiano); Robinho (Adryan), Lucas Barcelos (Rafael Vila) e Willians (Álvaro). Técnico: Daniel Paulista

Gol: Caio César (4 de Julho)
Cartões amarelos: Hiltinho (4 de Julho); Gilberto, Serginho, Cristiano, Lucas Barcelos e Willians (CON)
Cartão vermelho: Gilberto (CON)

Trending