conecte-se conosco

ParaibanoPBÚltimas

Após dois jogos e duas derrotas, Campinense demite técnico Ederson Araújo

Publicados

em

Durou pouco a passagem do técnico Ederson Araújo no Campinense. Com apenas dois jogos oficiais realizados na temporada, e duas derrotas, o treinador foi demitido da Raposa nesta segunda-feira. A gota d’água foi o revés por 2 a 1 para o São Paulo Crystal, no último domingo, na estreia do time no Campeonato Paraibano. 

A outra derrota do agora ex-comandante rubro-negro foi na primeira fase da Copa do Brasil, a goleada por 7 a 1 sofrida para o Bahia, em Campina Grande. O auxiliar Hélio Cabral assume interinamente a equipe até que o clube anuncie um novo treinador.

“O Campinense comunica o desligamento de Ederson Araújo, em comum acordo com a diretoria, do comando técnico do clube. Ederson foi anunciado em 12 de janeiro, comandou a equipe em seis partidas, sendo quatro amistosos (três vitórias e um empate) e duas partidas oficiais (duas derrotas). Também deixam o Campinense o Preparador Físico Rodolfo Fermino e o Analista de Desempenho, Jorge Luís. O Clube agradece os serviços prestados pelos profissionais e deseja sorte na continuidade da carreira de cada um deles”, diz a nota oficial publicada pela diretoria da Raposa.

Antes de assumir o Campinense, Ederson Araújo dirigiu por quatro temporadas seguidas o Atlético de Cajazeiras. Seu melhor momento foi em 2019, quando levou o clube à semifinal do Campeonato Paraibano.

O próximo jogo do Campinense será no próximo domingo, no Amigão, contra o Nacional de Patos, pela segunda rodada do Estadual.

Trending