conecte-se conosco

BASérie BÚltimasVitória

Pouco efetivo, Vitória perde para o Coritiba e freia embalo na Série B

Foto: Coritiba/Divulgação

Publicados

em

Voltando à estaca zero. Diante do Coritiba, no Couto Pereira, pela sexta rodada da Série B, o Vitória não conseguiu repetir o desempenho que apresentou na última rodada, quando conquistou os primeiros três pontos no Brasileiro, contra o Brusque. Pouco efetivo quando pisou na área do rival, inclusive perdendo grande chance já nos acréscimos, com David, o Leão foi derrotado por 1 a 0, com gol marcado por Waguininho, aos 33 minutos do segundo tempo.

O revés, além de ser o primeiro do time sob o comando do técnico Ramon Menezes, também marca a sina dos baianos em duelos fora de casa, onde ainda não venceram.

Tabela e calendário

Com o resultado, o Rubro-negro estaciona no meio da tabela, com seis pontos somados, e cai para 12ª posição na classificação. Na próxima rodada, o Vitória volta a jogar em casa, no Barradão, diante do Londrina, neste sábado, às 18h30.

Vitória começa bem, mas não agride com eficiência, chega a bater na trave, mas sofre o gol

Embalado após o primeiro triunfo na Série B, aliando resultado e desempenho, Vitória começou bem o primeiro tempo. Tinha a posse de bola e, com facilidade, chegava na área defensiva do Coritiba, que na maioria das vezes perdia a posse quando o Leão subia as linhas de marcação. Mas, se o domínio dentro de campo era evidente, ele não foi aliado a construção do resultado.

Isso porque o time não construiu, efetivamente, nenhuma chance clara de gol. E o Coxa, a partir daí, começou a ganhar campo. Primeiro, em finalizações de fora da área, como aconteceu com Val, aos 24, que arriscou o chute e Lucas Arcanjo defendeu, sem sustos. Depois, com Waguininho, aos 27, com a bola passando perto da trave do arqueiro baiano. Até que, o Vitória, em um lance de bola aérea – a melhor chance do jogo, até então -, quase abriu o placar. Aos 31, Wallace apareceu no segundo pau e cabeceou na trave.

A oportunidade, porém, se mostrou isolada nos minutos finais do primeiro tempo, já que pouco tempo depois, o Coritiba abriu o placar. Antes, já havia levado perigo com Waguininho, cabeceando cara a cara com Lucas Arcanjo, mas o volante não deixou passar na sequência. Aos 33, recebeu cruzamento rasteiro, em profundidade, se jogou e abriu o placar no Couto Pereira.

Na volta para o 2T, Ramon faz mudanças. E pouco surtem efeito

Tentando dar uma nova cara ao ataque do Vitória, Ramon promoveu mudanças na volta para o segundo tempo. Desfez o esquema com três zagueiros e mudou quase todo o ataque. Mas as modificações, a curto prazo, pouco surtiram efeito. Para piorar, o time baiano ainda viu o Coritiba, aos 15, ficar a um triz de ampliar a vantagem. Waguininho recebeu passe de Léo Gamalho, finalizou forte e a bola foi por cima do gol.

Mas Coritiba diminui de ritmo, recua e Vitória chega

Chance essa que foi a última tentativa do Coritiba no jogo. Satisfeito com o resultado, o time paraense abaixou as linhas, recuando completamente a marcação, e o Vitória começou a chegar. Em ambas as vezes, a partir de jogadas de bola parada. Aos 24, Gabriel Bispo cobrou falta rasteira e Wilson mandou para escanteio. Na sequência do lance, após David recebeu lançamento, ajeitou para Catatau, mas o atacante mandou muito mal, para fora. Com o jogo de desenhando para a reta final, o Leão construiu mais uma chance. E pecou na hora de decidir. Nos acréscimos, David foi lançado na área, ficou cara a cara com Wilson e não finalizou.

Ficha do jogo

Coritiba 1

Wilson, Igor, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Wilian Farias, Wal (Wellington Carvalho) e Waguininho (Jhony Douglas); Rafinha (Valdecir); Igor Paixão (Luiz Henrique) e Léo Gamalho. Técnico: Gustavo Morínigo.
Vitória 0

Lucas Arcanjo, Cedric, Marcelo, Wallace e Mateus Moraes (Catatau); Pedrinho (Roberto), Pablo e Gabriel Bispo (Guilherme Santos); Dinei (Samuel), Soares (Bruno Oliveira) e David. Técnico: Ramon Menezes.

Local: Couto Pereira
Árbitro: Douglas Marques das Flores (SP)
Assistentes: Miguel Cataneo Ribeiro (SP) e Fabrini Bevilaqua (SP)
Gols: Waguininho, do Coritiba, aos 33′ do 1T
Cartões amarelos:
Rafinha (C), Wilson (C), Val (C), Pablo Siles (V), Wallace (V), Jhony Douglas (C)

Ouça a partir do minuto 01′:

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending