conecte-se conosco

ConfiançaSESérie BÚltimas

Primeira vez sem sofrer gols pode ser virada de jogo para o Confiança

Mikael Macedo/ADC

Publicados

em

O Confiança é, hoje, dono da segunda pior defesa da Série B, após sofrer 10 gols em seis jogos. Os números refletem a campanha do ano passado, quando o Dragão teve uma das piores defesas do torneio, com 46 tentos sofridos.

Na última partida, porém, os sergipanos conseguiram, pela primeira vez na disputa, sair de campo sem tomar um gol, na vitória por 1 a 0 sobre o Vila Nova. Antes disso, o Confiança não saia de um jogo sem ser vazado desde a ida da final do Sergipano, no empate sem gols com o Sergipe.

Antes disso, o time tinha conseguido manter a segurança defensiva em sete partidas, nas vitórias sobre Freipaulistano, América de Pedrinhas (2x) e Sport, além dos empates com Botafogo-PB, Vitória e Salgueiro. Esse número é bem inferior aos 11 jogos sem gols sofridos que o Confiança teve no Estadual e na Copa do Nordeste de 2020.

Ainda inconsistente na temporada, o jogo sem gols contra o Vila Nova mostra um caminho para o Dragão, que conseguiu anular boa parte das jogadas goianas, ainda que se trate de um dos piores ataques do campeonato.

O cuidado com a defesa ainda tem que seguir como um alerta para o clube, uma vez que, apenas uma rodada antes, o time sofreu três dos únicos quatro gols marcados pelo Sampaio Corrêa nesta Segundona. E o desafio agora será mais duro para o time de Rodrigo Santana: manter o bom comportamento defensivo contra o Operário Ferroviário, terceiro melhor time do campeonato.

Trending