conecte-se conosco
Francisco Diá, técnico do Ferroviário Francisco Diá, técnico do Ferroviário

CESérie CÚltimas

Após eliminações marcantes, Ferroviário tem desafio de manter rendimento no 2º turno da Série C

Lenilson Santos/Ferroviário AC

Publicados

em

Este é o terceiro ano consecutivo no qual o Ferroviário-CE disputa a Série C e, pela terceira vez seguida, o Ferrão consegue fechar o primeiro turno dentro do G4 do grupo A. Dessa vez, porém, o time de Francisco Diá espera que a história tenha um desfecho diferente, com o time conseguindo manter essa vaga e selando a inédita classificação à segunda fase.

Nos dois anos anteriores na Série C, a participação coral seguiu uma sequência de dois atos: uma boa largada, com o time chegando a assumir a liderança e se mantendo no G4 até o início do segundo turno, quando entra em uma seca de vitórias e acaba fora da classificação.

O início de 2019 foi mais meteórico, com o time chegando a abrir sete pontos dentro do G4, mas, depois, mas passou as últimas sete partidas do campeonato com apenas dois pontos somados, terminando a apenas um do quarto colocado.

Em 2020, o time oscilou mais e nunca conseguiu abrir uma folga tão grande, mas esteve no G4 em boa parte do turno, vindo a sair apenas na 13ª, quando caiu de produção e terminou mais perto do Z2 que da briga pela vaga.

Neste ano, o roteiro começou parecido com o do ano passado. Tendo visitado a liderança, o Ferrão nunca abriu folga no G4, mas vem aparecendo por lá com frequência. Hoje, o time é vice-líder com 15 pontos, o mesmo número do líder, Botafogo-PB. São dois pontos acima do quinta colocado, o dobro do que tinha no ano passado ao fim do turno.

Agora, o desafio será manter o bom rendimento. Em um dos grupos A mais equilibrado da história, todos os detalhes são importantes para garantir a classificação, mas, para isso, o time já precisa de um bom resultado no confronto de líderes deste sábado, contra o Belo, no Ceará.

2019

Ascenção
4ª rodada – 1º – 10 pontos (5 acima do 5º)
8ª rodada – 1º – 19 pontos (7 acima do 5º)
*9ª rodada – 1º – 19 pontos (5 acima do 5º)
11ª rodada – 1º – 23 pontos (7 acima do 5º)
Declínio
14ª rodada – 4º – 23 pontos (2 acima do 5º)
16ª rodada – 6º – 23 pontos (1 abaixo do 4º)
18ª rodada – 5º – 25 pontos (1 abaixo do 4º)

2020

Ascenção
5ª rodada – 1º – 10 pontos (2 acima do 5º)
8ª rodada – 2º – 14 pontos (1 acima do 5º)
*9ª rodada – 4º – 14 pontos (1 acima do 5º)
Declínio
12ª rodada – 4º – 17 pontos (0 acima do 5º)
14ª rodada – 6º – 18 pontos (1 abaixo do 4º)
16ª rodada – 7º – 19 pontos (6 abaixo do 4º)
18ª rodada – 7º – 23 pontos (6 abaixo do 4º)

2021

Ascenção
3ª rodada – 1º – 7 pontos (3 acima do 5º)
8ª rodada – 1º – 14 pontos (2 acima do 5º)
9ª rodada – 2º – 15 pontos (2 acima do 5º)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending