conecte-se conosco

CECearáSérie AÚltimas

Jorge Macedo descarta contratação de lateral e enaltece atletas da base

Foto: Marcelo Vidal/cearasc.com

Publicados

em

O executivo de futebol do Ceará, Jorge Macedo, descartou a contratação de um novo lateral-direito para a sequência da temporada. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira (6), o dirigente do Alvinegro valorizou os atletas da base que têm à disposição e deu confiança para a sequência do trabalho comandado pelo técnico Guto Ferreira.

Já para o setor ofensivo, o clube ainda fará uma análise para saber se o elenco precisa de peças. Confira abaixo os trechos da coletiva de Jorge Macedo:

Possibilidade da contratação de lateral-direito

– A gente fez uma contratação no início da temporada do lateral-direito Gabriel Dias, que acabou tendo uma lesão e que já vinha atrapalhando ele nos últimos jogos. Ele foi suportando, mas acabou não tendo sequência. A gente já tinha preparado a reposição com o Buiú, formado na base do Ceará, e a gente tinha muita confiança nesse jogador. Por isso, liberamos o Eduardo, que foi para o América-MG, porque a gente sabia que o Buiú daria conta do recado e ele está dando. Temos um menino da base que nós gostamos muito, que é o Natan, são dois meninos que estão jogando bem e podem suprir a nossa carência em caso de necessidade. Então, nesse momento não estamos precisando de jogador para a posição, mas claro, se houver saída de algum eventual jogador a gente possa repor.

Trazer um novo jogador como referência no ataque?

– A saída do Saulo a gente já supriu a contratação dele com a vinda do Erick e do Airton. É um jogador que também pode fazer essa função, já que ele já jogou em outras equipes centralizado. Conseguimos o retorno do Jael, então a gente acredita que a gente tenha com o Jael, com o Cléber, com o Airton e o próprio Gabriel, do sub-23. Então a gente está analisando a posição para ver se será necessário.

Monitoramento de atletas

– A gente busca, desde que a gente chegou, qualificar todos os segmentos do clube, não só na área de departamento de saúde, fisiologia, academia, mas também na parte do pessoal, qualificando os profissionais que estão aqui e buscando. E dentro desse desempenho nós temos um departamento de análise de desempenho e análise de mercado. Trouxemos mais dois profissionais que já estão trabalhando, não só para desenvolver na equipe principal, mas a todas as categorias do clube. Não vamos fazer isso só nacionalmente, mas também desenvolver um trabalho de levar os nossos jogadores no mercado lá fora.

Planejamento para 2021

– A gente tinha uma base boa da temporada passada e conseguimos qualificar algumas posições. Perdemos o Léo Chú, fundamental naquele ano, repomos com Mendoza, trouxemos jogadores, agregamos jogadores para uma temporada tão qualificada, principalmente no primeiro semestre, com a quantidade de competições. A gente conseguiu manter o nível da equipe começamos o Brasileiro fazendo uma campanha muito boa.

Yony González

– A questão do Yone, ele teve um período muito tempo sem jogar. Ele saiu naquela época para o Fluminense, acabou indo para o Benfica, mas voltou logo para o Corinthians emprestado e não jogou por causa de questões contratuais. Ficou muito tempo sem jogar. Foi para o Estados Unidos, começou o campeonato e teve a pandemia. Ele praticamente não joga desde o Fluminense. Aqui ele ainda não conseguiu ter a evolução física e técnica por conta de termos muitas competições. Ele vem evoluindo e vamos ver como será daqui para frente. A gente esperava uma resposta mais rápido, mas é complicado quando o jogador fica tanto tempo parado.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending