conecte-se conosco

MASampaio CorrêaSérie BÚltimas

Em retorno do público ao Castelão, Sampaio abre vantagem, mas cede empate ao Brusque

Ronald Felipe/SCFC

Publicados

em

A torcida está oficialmente de volta às arquibancadas no estado do Maranhão. O reencontro da torcida do Sampaio Corrêa com o Castelão aconteceu nesta terça-feira, mas o jogo não teve o mesmo clima de festa. Em campo, a Bolívia abriu 2 a 0 no primeiro tempo, com gols de Luís Gustavo e Jackson, mas cedeu o empate no segundo, com dois gols de Edu, sendo o segundo em um pênalti. Com isso, o jogo terminou em 2 a 2, mas com um sabor de derrota.

Como fica?

Com o empate, o Sampaio se afasta do CRB, quarto colocado, e, agora, está a oito pontos do G4, enquanto o Brusque ainda pode ver a distância para o Z4 diminuir. Agora, o Sampaio volta a campo às 18h15 deste domingo, contra o Botafogo, no Rio de Janeiro. Para o Brusque, o próximo compromisso é às 21h30 da sexta, recebendo o Vasco da Gama.

Sampaio sai na frente

Sampaio e Brusque entraram dispostos a propor o jogo. Os visitantes começaram mais propositivos e tiveram as primeiras chances, mas logo viram os mandantes tomar um maior controle da posse de bola. Assim, os maranhenses se fizeram mais presente no ataque e forçaram os catarinenses a baixar as linhas e investir nas jogadas de velocidade.

Nesse domínio boliviano, o placar saiu do zero aos 26. Com uma maior proposição ofensiva, o Sampaio orbitava a área adversária e foi assim que a jogada de Roney pela direita passou por todo mundo e sobrou do outro lado com Pimentinha, que recuou para Luís Gustavo entrar na área acertando um chutaço no cantinho da meta do Brusque.

Depois do gol, a cara do jogo mudou. O Sampaio abriu mão do jogo ofensivo e recuou, passando a um jogo de contenção e cedendo o meio de campo para o Brusque subir as linhas e tomar domínio da posse de bola. Aos 32, o Quadricolor até balançou as redes, mas Edu estava em posição irregular, com o impedimento anulando o que poderia ter sido o gol de empate.

Se aquele não valeu, o segundo do Sampaio foi legítimo, aproveitando um breve crescimento ofensivo, já nos minutos finais. Aos 45, Jackson recuperou a bola na linha de fundo, fora da área, e, de lá mesmo, bateu de trivela, com a bola pegando um efeito incrível, enganando o goleiro e terminando em um golaço para o Tricolor.

A reação do Brusque

Depois do intervalo, o Brusque voltou em um ritmo mais intenso, pressionando muito e com alta rotação no ataque. Com isso, os catarinenses tomaram total controle do jogo e forçaram o Sampaio a recuar de vez. Sem apresentar construção ofensiva, os maranhenses viam a defesa sofrer perigo real, com um scout de finalização de 7×1 para o Brusque ao longo dos 20 primeiros minutos de etapa final.

Nisso, o gol catarinense não demoraria a sair. Aos 14, Airton cruzou da esquerda e Edu apareceu na área para cabecear para diminuir o placar. O Sampaio até tentou se reorganizar no jogo, mas o Brusque logo voltaria a se fazer presente na área adversária, tanto que, aos 29, Garcez foi derrubado por Luís Gustavo e, na cobrança do pênalti, Edu marcou o seu 13º nesta Série B, se tornando artilheiro isolado do torneio.

Dali em diante, o jogo passou a ter maior equilíbrio. O Brusque ainda era quem chegava mais ao ataque, mas não conseguiu manter o ritmo até o fim do jogo, permitindo um grande crescimento do Sampaio nos minutos finais, com jogo totalmente aberto e grandes chances para os dois lados – nenhuma concretizada.

Ficha do jogo

Sampaio Corrêa 2
Mota; Luís Gustavo, Joécio, Éder Lima, Mascarenhas; Eloir (Mauro Silva), Ferreira (Nadson) e Léo Artur (Márcio Araújo); Pimentinha, Roney (Jean Silva) e Jackson (Diego Cardoso). Técnico: Felipe Surian.

Brusque 2
Zé Carlos; Toty (João Carlos), Claudinho, Everton Alemão e Airton; Zé Mateus, Rodolfo Potiguar e Marlone (Bruno Alves); Maurício Garcez, Thiago Alagoano e Edu (Jhon Cley). Técnico: Waguinho Dias.

Local do jogo: Estádio Castelão, em São Luís-MA
Árbitro: Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)
Assistentes: Silbert Faria Sisquim (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ)
Gols: Luís Gustavo (26’/1ºT | SAM), Jackson (45’/1ºT | SAM), Edu (15’/2ºT | BRU), Edu (30’/2ºT | BRU)
Cartões amarelos: Eloir, Ferreira (SAM), Everton Alemão (BRU)
Público: 2.356 torcedores
Renda: R$ 35.615

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending