conecte-se conosco

PESérie ASportÚltimas

Vice-presidente Nelo Campos e toda a diretoria de futebol do Sport deixam o clube

Saída da cúpula já foi definida e anúncio deve ocorrer em breve

Foto: Anderson Stevens/ Sport Recife

Publicados

em

Após a bomba que veio à tona na manhã desta segunda-feira, o departamento de futebol do Sport passará por nova reformulação. O vice-presidente Nelo Campos e demais componentes da cúpula estão em reunião neste momento com a direção e serão destituídos dos respectivos cargos. A mudança, inclusive, deve atingir também outros setores do departamento, apurou o NE45.

LEIA: Apesar de estarem no BID, Sport perde prazo e trio não é inscrito na Série A

O motivo desta decisão foi o erro cometido pelo departamento de futebol ao não inscrever o goleiro Saulo, o volante Nicolás Aguirre e o atacante Vander na Série A, mesmo que o trio tenha saído no BID, conforme trouxe a reportagem nesta manhã. O prazo para o registro encerrou na última sexta-feira.

Além disso, outro episódio negativo foi o fato de Pedro Henrique e Zé Welison estarem pendurados, mas não terem tomado estrategicamente o terceiro cartão amarelo antes do jogo contra Internacional e Atlético-MG, respectivamente – por força contratual, não poderiam entrar em campo. 

A diretoria de futebol do Sport assumiu o departamento na segunda metade de julho, quando o clube passou por eleição suplementar e mudou de gestão após renúncia do ex-presidente Milton Bivar. 

Liderada por Nelo Campos, principal nome da gestão, chegou com a missão de fazer uma breve reformulação no elenco, que tinha a folha estourada. Assim, nos primeiros dias, sete atletas deixaram o Sport, enquanto isso, de lá para cá, outros sete chegaram.

Desta forma, aliás, além de Nelo, saem do clube os diretores de futebol Augusto Moreira, Gabriel Campos, Guilherme Falcão e Rocine Milet. Felipe Albuquerque, executivo de futebol contratado pela diretoria, pediu demissão do Sport no último sábado. 

Trending