conecte-se conosco

Copa do NordesteNáuticoPEPernambucanoÚltimas

Comissão técnica prega cautela sobre retorno de Kieza; clube ainda tem mais 4 no DM

Foto: Tiago Caldas/CNC

Publicados

em

O atacante Kieza ainda não tem previsão de retorno aos jogos. Em recuperação de uma cirurgia no tendão de Aquiles do tornozelo esquerdo, em julho, o artilheiro alvirrubro está na fase de transição e no início da pré-temporada, nesta segunda-feira (3), deu voltas no gramado. Por isso, a comissão técnica do Timbu prega cautela sobre a liberação do atleta para as atividades com o restante do grupo.

“Nossa ideia é de que os atletas sejam utilizados de maneira integral quando estiverem 100% prontos para as atividades programadas. Kieza é um atleta que tem um respeito grande e não podemos correr o risco de uma nova lesão. Então, o trabalho será priorizado no departamento médico, fisioterapia, transição e aí vai cair nas nossas mãos. Não podemos passar por cima dos protocolos”, ressaltou o preparador físico Robson Gomes.

O Náutico terá 19 dias de pré-temporada até a estreia oficial em 2022 e não está descartada a presença de Kieza nos primeiros jogos. Mas o foco é na recuperação total. Com precaução para que ele não volte a ter problemas no tornozelo. 

“Não diria que ele está descartado, mas vamos respeitar os protocolos de recuperação. Vamos paulatinamente encontrar o melhor caminho para que os maiores beneficiados sejam o Náutico e ele”, completou o preparador físico do Timbu.

Dos 25 atletas alvirrubros que iniciaram a pré-temporada, cinco estão no departamento médico. Além de Kieza, o lateral-direito Bryan, o volante Miro, o meia Lucas Paraíba e o atacante Magno não estão liberados para os treinos. Eles também estão sem previsão de retorno e, à exceção de Magno, que está na mesma fase de recuperação de Kieza, todos os outros não devem atuar antes da Série B.

Confira abaixo a situação de cada atleta:

Kieza – Tem cinco meses de recuperação e realiza transição no campo com a fisioterapia;

Bryan – Três meses de recuperação de uma lesão no ligamento cruzado anterior do joelho com o DM e fisioterapia;

Lucas Paraíba – Dois meses de recuperação de uma cirurgia no joelho com o DM e a fisioterapia;

Miro – 21 de recuperação da segunda cirurgia no joelho direito com o DM e a fisioterapia

Magno – Sete meses de recuperação da segunda cirurgia no tendão de Aquiles e realiza transição no campo com fisioterapia.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados