Connect with us

NáuticoPEPernambucanoÚltimas

Com dois gols de Juninho Carpina, Náutico vence o Íbis na estreia do Pernambucano

Foto: Rafael Vieira/CNC

Published

on

Atual campeão do Pernambucano, o Náutico estreou com o pé direito na edição de 2022 da competição estadual. Na tarde deste sábado (22), nos Aflitos, com domínio e tranquilidade, o Timbu venceu o Íbis por 3×0, com dois gols de Juninho Carpina e um de Júlio, ambos revelados na categoria de base alvirrubra.

Ainda com toda a rodada a ser completada, o Náutico é o líder com três pontos e volta a campo pelo Pernambucano no dia 1º de fevereiro, contra o Sete de Setembro, na Arena de Pernambuco. Antes, o adversário será o Campinense, na terça (25), também nos Aflitos, às 20h, pela Copa do Nordeste. Já o Íbis receberá o Salgueiro, no domingo da próxima semana, no Ademir Cunha, às 16h.

Joia da base, Carpina marca 2x e Náutico vence o Íbis na largada pelo bi no Estadual

Domínio alvirrubro e gols de Carpina

O domínio em todo o primeiro tempo foi do Náutico. De início, os comandados de Hélio dos Anjos tiveram dificuldades na construção das jogadas. Mas não demorou para o Timbu abrir vantagem. Aos 11 minutos, Júnior Tavares ajeitou e Juninho Carpina chutou de fora da área para marcar um golaço.

Logo na sequência, aos 16, Juninho Carpina novamente marcou para os alvirrubros. Desta vez, Vargas deu um bonito toque de calcanhar e o meia arrematou no canto do goleiro para fazer 2×0.

Com o placar favorável, o Timbu diminuiu o ritmo e o Íbis chegou mais ao ataque. Porém, em apenas um momento foi com perigo. Aos 44, Wil chutou e Lucas Perri fez uma grande defesa. O goleiro ainda defendeu, mas o lance já estava paralisado por impedimento. 

Ritmo lento com sustos e gol no final

O Náutico voltou para o segundo tempo em um ritmo lento, sem conseguir aplicar a pressão do primeiro tempo. O Íbis tentou ficar mais com a posse de bola e com sustos. Na primeira, Kelven tentou chutar e foi travado por Camutanga. Em seguida, Wil acertou a trave num chute de fora da área.

Com as substituições, sobretudo pelo lado do Náutico, o jogo caiu ainda mais de rendimento e praticamente não teve muitas de gol. Para o Timbu valeu para administrar o placar com controle e garantir os primeiros três pontos no Campeonato Pernambucano. No final, ainda deu tempo de sair o gol de Júlio. Aos 43, o atacante recebeu de Wagninho e mandou para o fundo das redes na saída do goleiro para fechar o placar em 3×0.

Ficha do jogo

Náutico 3
Lucas Perri; Hereda, Camutanga, João Paulo (Rafael Ribeiro) e Júnior Tavares; Djavan, Rhaldney (Wagninho) e Vargas (Kayon); Carpina, Ewandro (Thassio) e Álvaro (Júlio). Técnico: Hélio dos Anjos.

Íbis 0
Lucas Peixe; Thyego, Oseas, Wil e Vitor Damasceno; Celestino (Matheus Fernando), Roberto (Guilherme) e Felipe Almeida (Pablo); Matheusinho (Gustavo), Rosivaldo e Kelven (Gabriel). Técnico: Carlos Alberto.

Local: Estádio dos Aflitos, no Recife-PE.
Árbitra: Deborah Cecilia Cruz Correia;
Assistentes: Karla Renata Cavalcanti de Santana e Daniele de Andrade Felipe;
Gols: Juninho Carpina (Náutico), aos 11 e aos 16 do 1ºT; Júlio (Náutico), aos 43 do 2ºT.
Cartões amarelos: Vitor Damasceno (Íbis).

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados