conecte-se conosco
General Caballero x Ceará General Caballero x Ceará

CECearáCopa Sul-AmericanaÚltimas

Fora de casa, Ceará bate General Caballero e segue 100% na ‘Sula’

Foto: Fausto Filho/Ceará SC

Publicados

em

Diante do time reserva do General Caballero, o Ceará fez uma partida tranquila para conseguir a sua terceira vitória na Copa Sul-Americana. Em jogo marcado pelo primeiro gol de Erick com a camisa do Vozão, os cearenses triunfaram mais uma vez fora de casa e mantiveram uma boa vantagem na liderança do seu grupo.

Como ponto negativo, o Vovô ainda teve o zagueiro Lucas Ribeiro expulso ao receber dois cartões amarelos em cinco minutos. É o quinta vez em seis jogos sob o comando de Dorival Júnior que o Ceará fica com um jogador a menos em campo.

Com o resultado, o Ceará segue líder do Grupo F da Copa Sul-Americana. Com nove pontos em três jogos, o Vozão continua com 100% de aproveitamento e com três pontos a mais que o Independiente, segundo colocado, que venceu o Deportivo La Guaira em seu jogo pela terceira rodada.

O próximo compromisso do Vozão será diante do RB Bragantino, no sábado, às 16h, pela Série A, na Arena Castelão. Pela Sula, o Alvinegro retorna a campo também em seu reduto, na próxima terça-feira, às 21h, diante do Deportivo La Guaira.

O jogo

Mesmo jogando fora de casa e com muitos desfalques, o Ceará não se intimidou diante do General Caballero. O time paraguaio, que atuou com o time reserva devido à sua delicada situação no campeonato nacional, levou o jogo para a Assunção e viu a torcida do Vovô ser maioria no Manuel Ferreira, tradicional casa do Olimpia.

Nos primeiros minutos, o Ceará fez questão de pressionar a saída de bola do General Caballero e, com isso, conseguiu criar ao menos três boas chances com Vina, Richard e Erick no início da partida.

A partir dos 25 minutos, o Vozão diminuiu seu ritmo e o jogo acabou esfriando. Enquanto os paraguaios buscavam chegar sempre no contra-ataque, o Ceará continuava criando situações de maneira natural, ao impor sua qualidade técnica, mas esbarrava nos erros de finalização para abrir o placar.

Segundo tempo

Se no primeiro tempo o Ceará produziu, mas não conseguiu abrir o placar, na etapa final, o Vozão colocou-se à frente no placar logo com dois minutos de jogo. Geovane recebeu bola na área e foi derrubado pelo lateral Lezcano. Na cobrança, o atacante Erick fez seu primeiro gol com a camisa do Alvinegro Alencarino.

Com o gol, o General Caballero passou a se expor um pouco mais, sempre sendo conduzido pelo meia Luis Fernández, que foi acionado no intervalo do jogo. O Ceará, por sua vez, adotou uma postura mais retraída e passou a apostar nos contra-ataques puxados pelo atacante Erick.

No momento do jogo em que o time paraguaio dominava as ações, o Ceará conseguiu encontrar o segundo gol. Aos 23, após cobrança de escanteio, o zagueiro Messias subiu mais que a defesa do General Caballero e cabeceou forte para vencer Juanito Alfonso.

Acionado na segunda etapa, o volante Lucas Ribeiro tomou dois cartões amarelos em cinco minutos e acabou sendo expulso. É a quinta vez em seis jogos com Dorival Júnior que o Vovô fica com um jogador a menos. Com isso, o General Caballero se atirou ainda mais ao ataque, contudo, faltou qualidade na finalização ao time paraguaio para incomodar João Ricardo.

Assim, o Ceará soube administrar a sua vantagem para conquistar mais uma boa vitória fora de casa pela Sul-Americana. Os Alvinegros ainda ficaram na bronca sobre um possível expulsão para Tomás Lezcano, que teria recebido duas advertências do árbitro colombiano Jhon Hinestroza.

Ficha do jogo

General Caballero 0
Juanito Alfonso; Ángel Lezcano, Eduardo Duarte (Corulo), Vergara e Bustos (Tomás Lezcano); Elías Alfonso (Heinze), Kevin Fernández (Hector Lezcano), Walter Rodríguez e Hauché (Luis Fernández); Acuña e Santiago Salcedo. Técnico: Luciano Theiler.

Ceará 2
João Ricardo; Michel Macedo, Messias, Gabriel Lacerda e Bruno Pacheco; Geovane (Kelvyn), Rodrigo Lindoso e Richard Coelho (Lucas Ribeiro); Lima (Iury Castilho), Erick (Marcos Victor) e Vina (Cléber). Técnico: Dorival Júnior.

Local: Estádio Manuel Ferreira, em Assunção (PAR)
Árbitro: Jhon Hinestroza (COL)
Assistentes: Wilmar Navarro e Alexander Guzmán (ambos da COL)
Gols: Erick aos 4/2ºT e Messias aos 23/2ºT (Ceará)
Cartões amarelos: Eduardo Duarte, Juanito Alfonso, Tomás Lezcano, Luis Fernández, Walter Rodríguez e Ángel Lezcano (General Caballero); Geovane, Vina, Richard Coelho, Erick e Lucas Ribeiro (Ceará)
Cartão vermelho: Lucas Ribeiro (Ceará)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Trending