Connect with us
Diógenes Braga_Rodolpho Moreira_CT_Náutico_2023 Diógenes Braga_Rodolpho Moreira_CT_Náutico_2023

NáuticoPESérie CÚltimas

No mercado, Náutico busca de três a quatro contratações para a Série C; veja posições

Foto: Tiago Caldas/CNC

Published

on

Timbu busca suprir lacunas enxergadas e, consequentemente, fechar o grupo para a Série C

No mercado em busca de reforços, o Náutico deve contratar de três a quatro peças para fechar o elenco na Série C. A tendência é de que o Timbu tente um zagueiro, um primeiro volante e ao menos um atacante de beirada (podem chegar dois), com o intuito de oferecer mais opções ao técnico Fernando Marchiori e, claro, encorpar a equipe.

Um ponto importante na busca do Náutico por reforços é que a janela de transferências das Séries A e B está aberta. O Timbu encara a concorrência dessas divisões no mercado, mas por outro lado também mapeia nomes que não estão sendo utilizados por clubes que estão acima do Alvirrubro no momento.

Em entrevista ao programa Fórum Esportivo, da Rádio Jornal, o diretor de futebol Rodolpho Moreira falou sobre essas buscas. O dirigente também aproveitou para elogiar o treinador alvirrubro, que vem buscando soluções com as peças atuais. Uma delas, por exemplo, foi trocar Paul Villero de lado, deslocando o atacante para a ponta direita.

“A gente entra em um momento que as contratações devem ser as últimas. O Fernando tem feito um ótimo trabalho para buscar soluções para as opções que ele possui. Ele inverteu o Paul Villero, que vinha jogando pelo lado esquerdo e passou a atuar pelo lado direito, e através da situação surgiu o cruzamento (para o gol ante o Altos)”, disse Rodolpho.

“Algumas contratações foram feitas para a Série C com antecedência, como Rennan Siqueira, Eduardo… A gente tinha a perspectiva da volta de Bryan, que é um atleta com capacidade técnica física acima do nível da competição. A gente não deixava de pagar mesmo ele estando lesionado. Isso tirava em algum momento a perspectiva de reposição, mas a gente olhava que essa espera valeria a pena por tudo que ele pode entregar”, completou Rodolpho.

Diógenes Braga_Rodolpho Moreira_CT_Náutico_2023
Foto: Tiago Caldas/CNC

A busca do Náutico pelos reforços

No momento, o Náutico conta com Denílson, Danilo Cardoso, Odivan e Wesley Junio como opções para a zaga, além de Rennan Siqueira que também vinha atuando por ali. O lateral-esquerdo, contudo, passou a assumir sua posição de origem com a lesão de Diego Matos, que ficará fora por um mês.

No meio-campo, na busca por um primeiro volante, o Náutico só conta com Jean Mangabeira para a função. Com a saída do paraguaio Juan Gauto, ele é o único nome que possui uma característica de mais marcação, fazendo com que o Timbu foque seus esforços na chegada de mais uma peça para o setor.

No ataque, por sua vez, apesar de o técnico Fernando Marchiori contar com Paul Villero, Régis Tosatti, Thiaguinho, Alisson Santos e Berguinho como opções para as beiradas, além de Bryan e Gabriel Santiago que também já atuaram por ali, há um entendimento de que o clube deve trazer ao menos um nome para os setor. Contudo, esse número pode aumentar para dois, a depender das condições encontradas no mercado.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados