Connect with us
Tombense x Náutico, pela Série C do Brasileirão 2024 Tombense x Náutico, pela Série C do Brasileirão 2024

NáuticoPESérie CÚltimas

Em noite pouco inspirada ofensivamente, Náutico empata com o Tombense pela Série C

Published

on

Timbu jogou na noite deste domingo (7) na cidade de Tombos-MG

O Náutico não conseguiu emplacar a segunda vitória seguida pela primeira vez na Série C 2024. Jogando em Tombos-MG, o Timbu teve uma atuação pouco inspirada na noite deste domingo (7) e ficou no empate em 0 x 0 com o Tombense. A partida também contou com as estreias do goleiro Deivity e do zagueiro Islan.

Com o ponto somado, o Alvirrubro não consegue se aproximar do G-8 e termina a rodada na 12ª posição com 13 pontos – sendo cinco para o oitavo colocado. Vale lembrar que o Náutico ainda tem uma partida a menos, contra o Ypiranga, adiada por conta das enchentes no Rio Grande do Sul e ainda sem data para acontecer.

Próximo jogo do Náutico

O Timbu volta à campo no próximo domingo (14) para encarar o Figueirense, às 19h, no estádio dos Aflitos, no Recife. Partida que será válida pela 13ª rodada da Série C.

Tombense x Náutico, pela Série C do Brasileirão 2024
Foto: Hugo Lopes / @hugolopesfoto

O jogo

Foi um primeiro tempo no Estádio Antônio Guimarães de Almeida de poucas emoções e de poucas palavras para serem escritas. Talvez o melhor destaque tenha sido um torcedor do Tombense que, com uma buzina na arquibancada, chamou a atenção com seu barulho ensurdecedor – lembrando bastante o Tarcísio da Buzina, clássico torcedor do Salgueiro no Cornélio Barros.

Com duas estreias no time titular – o goleiro Deivity e o zagueiro Islan – e o retorno de Patrick Allan e Gustavo Maia, o Náutico pouco produziu durante os primeiros 45 minutos. A única jogada coletiva de destaque aconteceu aos 28 minutos, quando Patrick allan achou Paulo Sérgio, que dominou, driblou, mas acabou chutando com força e por cima do gol.

O Tombense, por sua vez, também não teve tanto ímpeto ofensivo. As melhores oportunidades – se é que podemos chamar de melhores – saíram de chutes de fora da área e que passaram sem nenhum perigo para o goleiro alvirrubro.

Tombense x Náutico, pela Série C do Brasileirão 2024
Foto: Hugo Lopes/@hugolopesfoto

Na volta para o segundo tempo, Bruno Pivetti não mexeu na equipe. E diferente do primeiro tempo, o Tombense voltou mais ativo na partida. Tanto que começou a rondar a meta de Deivity com mais intensidade. Em uma dessas tentativas, o goleiro alvirrubro espalmou um chute de Rafinha aos cinco minutos.

Vendo seu time sem criatividade alguma, Pivetti resolveu mexer no time só aos 17 minutos, sacando Sousa para a entrada de Marco Antônio. O time deu uma leve melhorada. E poucos minutos depois, foi a vez de Bruno Mezenga entrar na vaga do apagado Paulo Sérgio. O treinador ainda tirou os dois laterais para as entradas do reservas.

Mas ofensivamente falando, embora com uma pequena melhora, não foi suficiente para assustar o goleiro Felipe Garcia, que não teve nenhuma defesa difícil na partida.

Um empate sem sal para os pernambucanos, que visam entrar no G-8 da competição e seguir sonhando com o retorno à Série B da próxima temporada.

FICHA TÉCNICA

Tombense 0
Felipe Garcia; Pedro Costa, Roger Carvalho, Rony e Emerson Barbosa; Pierre (João Vitor), Kaio Mendes (Mikael), Rickson e Pedro Oliveira (Denner); Rafinha (Vitinho) e Igor Bahia. Técnico: Raul Cabral.

Náutico 0
Deivity; Mateus Ludke (Arnaldo), Islan, Iran e Diego Matos (Luiz Paulo); Sousa (Marco Antônio), Renato Alves, Patrick Allan (Wendel Lessa) e Andrey; Gustavo Maia e Paulo Sérgio (Bruno Mezenga). Técnico: Bruno Pivetti.

Local: Estádio Antônio Guimarães de Almeida
Árbitro: Árbitro: Rodrigo da Fonseca Silva (MT)
Assistentes: Gisian Antônio Garcia (MT) e Elita Maria da Silva (MS)
Cartão amarelo: Rickson, Rafinha (Tombense); Renato Alves, Deivity (Náutico)

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending

Copyright © 2020 NE45. Todos os direitos reservados