conecte-se conosco

Copa do NordesteEstaduaisPESanta CruzÚltimas

Técnico vê momentos distintos entre passagens pelo Santa e pede união

Avatar

Publicados

em

Repatriado pelo Santa Cruz após mais de 25 anos da primeira passagem – ainda como jogador -, o técnico João Brigatti terá a missão de comandar o Tricolor em 2021, tendo como ponto principal a busca pelo acesso para a Série B. Na sua apresentação, o comandante tratou de separar as duas situações em que vestiu a camisa coral, seja a de 1995, quanto a de agora. Da primeira vez, conquistou o título Estadual, e almeja ter sucesso novamente no clube.

“Uma coisa é você ser jogador, outra é treinador: são situações completamente distintas. Pelo Arruda, me sinto em casa. Até por ter tido uma passagem em 1995, quando fomos campeões. Por mais que tenha saído antes, quando a Ponte Preta me levou de volta a São Paulo para jogar. Enfim, tive uma boa passagem enquanto atleta. Agora, como treinador, muda demais. É uma responsabilidade muito grande, mas acredito demais no meu trabalho. Estou preparado para comandar o Santa”, comentou.

Confiante, o treinador destacou que vê muita qualidade no elenco coral. Mas também citou que as dificuldades do início de temporada estarão presentes no dia a dia. Com isso, João Brigatti quer união de todos, principalmente da torcida, para dar o suporte necessário que o Santa Cruz precisa para desenvolver o seu projeto para 2021.

“Eu espero o que a torcida toda espera. Precisamos do apoio da nossa diretoria, da comissão técnica, dos atletas e, principalmente, da nossa torcida. Para que nos apoie e saiba que, no início, vamos ter um pouco de dificuldade. Aqui, temos muitos homens, atletas de qualidade. Eu tenho analisado Santa Cruz e acredito que vamos fazer um grande trabalho em busca dos nossos objetivos”, emendou Brigatti.

Trending