conecte-se conosco
Bolívar estreou pelo Santa Cruz contra o Afogados Bolívar estreou pelo Santa Cruz contra o Afogados

PESanta CruzSérie CÚltimas

Bolívar reconhece atuação abaixo do Santa Cruz e diz que time foi desatento

Foto: Rafael Melo/Santa Cruz

Publicados

em

Muito aquém do ideal. Após a derrota por 2 a 0 para o Manaus na estreia da Série C, neste domingo, na Arena Amazônia, o técnico Bolívar reconheceu atuação abaixo do Santa Cruz, e lamentou muito os erros ‘capitais’, na sua visão, no lado esquerdo do campo, de onde partiram os dois gols do Gavião do Norte.

Além disso, o treinador também avaliou a derrota, lamentando o revés logo na estreia da competição, e explicou as ausências muito comentadas de alguns recém-contratados que não foram para o jogo, como os atacantes Frank e Lucas Batatinha. Veja, na íntegra, a entrevista do comandante tricolor.

Com nova reformulação, o tricolor fez um 1T horrível. Além disso, só o mandante teve um centroavante eficiente.

Avaliação da derrota

“Sempre ruim uma estreia você perder um jogo, a gente acabou pecando em lances capitais, os dois gols que a gente sofreu foram de desatenção. A gente sempre cobra muito que a gente possa acompanhar o adversário dentro da área, principalmente, e os dois lances aconteceram dessa maneira, de cruzamentos. Mas, é procurar focar trabalhar em cima disso. como eu falei, a gente queria o resultado positivo, infelizmente não aconteceu, estamos muito chateados, agora é corrigir os erros e tem uma semana para trabalhar”.

Lado esquerdo como ponto fraco/correções

“Sempre difícil, são várias situações, e os erros eles já iniciam quando já tem a situação do cruzamento, mas a definição do cruzamento precisa de outro atleta para colocar essa bola pra dentro do gol. E a desatenção foi essa também, a gente sabe que precisa neutralizar, até porque passamos isso para os atletas, essa forte chegada do Manaus pelo lado direito ofensivo deles, e a gente acabou sofrendo dois gols aonde uma desatenção nos custando caro. Agora durante a semana a gente acaba passando a análise dos atletas para ter a correção e que isso não aconteça novamente.

Ausências de Frank, Everton Dias, Lucas Batatinha, Adriano Michael Jackson e Rondinelly

Jogadores que a gente contratou para poder dar uma encorpada nessa euqipe, mas acabamos hoje, acho que de uma forma geral, todos tendo uma atuação muito parecida. A equipe, como eu falei, uma desatenção e isso acabou sendo caro para gente, porque voc~e acaba dando oportunidade ao adversário. Então, no modo geral, qe vão crescer junto com a equipe durant a cometiçao.

Frank, Everton Dias, Rondinelly, Lucas Batatinha, são jogadores que estão em transição ainda, acabaram chegando muito próximos do jogo. São jogadores que chegaram com uma semana sem fazer treinamento, então a gente tinha que dar a condição para os atletas, o próprio Adriano também teve um problema na lombar, acabou ficando a semana inteira sem treinar. E agora precisa estar em uma semana de transição para que possam estar aptos para utilizar dentro das partidas. Porque a partir do momento que os atletas viajam com uma condição de não estar 100%, eles vão ser cobrados numa condição 100% e por isso precisam estar 100%.

Continue lendo
1 comentário

1 comentário

  1. Severino P Muniz

    31 de maio de 2021 a 00:05

    Desatento ??? É essa a avaliação do técnico ?
    Depois de QUINZE dias concentrado, treinando, o time faz um jogo merda desse! Acho que não foi só desatenção não. Não jogaram nada!!! A verdade é essa!! O Sr. Bolivar precisa justificar a sua contratação. Identificar os “pernas de pau” que foram contratados, e não são poucos, e exigir que a diretoria mande-os embora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending