conecte-se conosco

BABahiaSérie AÚltimas

Mais dois: Gilberto é o maior goleador do Bahia em clássicos do NE no século

Felipe Oliveira/Bahia

Publicados

em

Quando se fala em gol do Bahia, um nome já vem à cabeça de todo torcedor: Gilberto. Em 155 jogos, já são 72 bolas na rede, sendo que 13 desses foram marcados em clássicos regionais. Na verdade, neste século, nenhum jogador do Bahia marcou mais gols contra Ceará, Fortaleza, Sport, Náutico e Santa Cruz que Gilberto.

A principal vítima de Gilberto foi o Ceará, time contra quem o centroavante já marcou seis gols, dois deles no confronto desta quinta-feira, vencido pelo Tricolor por 2 a 1, no Castelão. Além do Vozão, ele também soma quatro gols contra o Fortaleza, dois contra o Santa Cruz e um contra o Sport. Do G7 do Nordeste, o único time que não sofreu gols de Gilberto pelo Bahia foi o Náutico, que só enfrentou o centroavante tricolor por 45 minutos.

Depois de Gilberto, o maior artilheiro baiano nesses clássicos regionais é Nonato. Defendendo o clube entre 1998 e 2003 e, novamente em 2007, o ex-jogador fez nove gols, quatro contra o Sport, dois contra Náutico e Santa Cruz e um contra o Fortaleza.

Se contarmos também os clássicos contra o Vitória, Gilberto ainda persegue a liderança de Nonato. Com 10 gols em Ba-Vis, Nonato soma 19 gols neste recorte, contra 15 de Gilberto, que só fez dois contra o maior rival.

Antes do Bahia, Gilberto já tinha boas experiências frente aos times do G7. Quando jogava no Santa Cruz, foram três gols contra o Sport; na Portuguesa, um gol contra o Náutico; e pelo São Paulo, um tento frente ao Santa Cruz. Até o próprio Bahia já havia sido vítima do atual ídolo, com um gol pelo Internacional e dois pela Portuguesa.

As marcas de Gilberto pelo clube vão muito além disso. Hoje, o centroavante de 32 anos é o terceiro maior artilheiro da história da Copa do Nordeste, com 22 gols marcados, apenas três a menos que os líderes Cristiano Alagoano e Sérgio Alves. Além disso, ele é o segundo maior artilheiro do Bahia na Primeira Divisão, com 35 bolas na redes, apenas uma a menos que Douglas.

ARTILHEIROS DO BAHIA EM CLÁSSICOS REGIONAIS DO SÉCULO XXI

Gilberto – 13 gols
CEA – 6 | FOR – 4 | STC – 2 | SPO – 1
Com o Ba-Vi – 15 (VIT – 2)

Nonato – 9 gols
SPO – 4 | NAU – 2 | STC – 2 | FOR – 1
Com o Ba-Vi – 19 (VIT – 10)

Sérgio Alves – 6 gols
NAU – 3 | FOR – 3
Com o Ba-VI – 7 (VIT – 1)

Juninho – 6 gols
FOR – 4 | STC – 1 | SPO – 1

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending