conecte-se conosco
Juan Pablo Vojvoda, técnico do Fortaleza Juan Pablo Vojvoda, técnico do Fortaleza

CEFortalezaSérie AÚltimas

Vojvoda lamenta chances que Fortaleza perdeu, mas exalta poder de reação

Foto: TV Leão/Reprodução

Publicados

em

O Fortaleza empatou em 1 a 1 com o Fluminense no Castelão em um jogo bastante movimentado, apesar das poucas chances de gol. Dessas poucas, o Leão teve duas boas perdidas, ambas com o atacante David, na primeira etapa. Uma cabeçada que ele mandou para longe, no começo da partida, e a segunda foi bem clara, quase na pequena área, escorando de primeira um lançamento feito por Éderson. Chances que acabaram fazendo falta para que o Tricolor saísse com a vitória no duelo contra os cariocas. Porém, o técnico Juan Pablo Vojvoda não só lamentou isso, mas também exaltou o poder de reação da sua equipe.

“Eu acredito que no primeiro tempo, com duas situações muito claras, de David de cabeça e com o pé, foram situações que poderiam ter aumentado a diferença. Mas não se pôde. É o futebol. A equipe respondeu diante do placar adverso e contra um adversário que fechou muito as suas linhas, os espaços. Eu vejo como positivo que a equipe conseguiu abrir espaços e fazer um belo gol”, disse o comandante do Fortaleza.

Outro ponto que o argentino comentou foi o fato de enfrentar um Fluminense bastante fechado, com linhas baixas, que dificultava uma das armas do Fortaleza: a bola longa nas costas da defesa adversária. Para Vojvoda, mesmo com essa adversidade, o Leão conseguiu criar boas oportunidades em outros tipos de jogadas. Situação que ele traz como positiva da partida.

“O Fortaleza teve mais de 60% da posse de bola, é verdade. Muitas vezes é difícil, diante de um adversário muito fechado, encontrar espaços nas costas da defesa. A gente encontra esse espaço quando o adversário deixa campo nas suas costas, e essa partida não teve isso. Acho que o Fortaleza teve a intenção de ter boa posse para gerar situação de gol. O Fortaleza criou 16 situações de gol, o adversário três ou quatro. Futebol é futebol, então acabou um a um neste tipo de partida”, concluiu.

Confira a coletiva do técnico do Fortaleza

Ouça a partir do minuto 46′:

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending