conecte-se conosco
Danny Morais, zagueiro do Santa Cruz Danny Morais, zagueiro do Santa Cruz

PESanta CruzSérie CÚltimas

Além de ‘decepção’ por queda do Santa Cruz, Danny Morais revela atraso do clube em pagamento de dívida

Foto: Rafael Melo/Santa Cruz

Publicados

em

Um dos jogadores que deixou o Santa Cruz no começo do ano – por opção própria, pela aposentadoria -, o ex-zagueiro Danny Morais fez uma postagem no Instagram comentando sobre o atual momento do clube, com a queda para a Série D. Mostrando “decepção” e dizendo que, em seis anos dentro do Tricolor, assumiu “mais responsabilidades do que deveria”, Danny também revelou que o Mais Querido tem atrasado o pagamento de parcelas da dívida que tem com ele.

O ex-zagueiro comentou que possui um acordo extrajudicial com o Santa Cruz, homologado na Justiça, para a quitação de débitos existentes desde que a primeira passagem dele no Tricolor, iniciada em 2015. De acordo com apuração do NE45, o valor gira em torno de R$ 700 mil. O atleta, entretanto, não fez menção a acionar o clube na Justiça, no momento, para cobrar o pagamento das parcelas.

Aposentado desde abril, o jogo de despedida de Danny Morais no Tricolor aconteceu no dia 10 de abril, contra o Botafogo-PB, pela Copa do Nordeste. Vestindo a camisa coral, o “capita” disputou 178 partidas em duas passagens diferentes, além de marcar cinco gols. Ao todo, Danny defendeu o Santa Cruz entre 2015 e 2016, voltando em 2018 e encerrando a carreira neste ano.

Confira o depoimento de Danny Morais

Sendo realista e transparente. ⁣

Foram 6 temporadas defendendo o Santa Cruz. Dentro do clube, ao invés de me agarrar às dificuldades, optei sempre por encarar os desafios. Assumi até mais responsabilidades do que deveria e não me arrependo.⁣ Eu não sabia e nem achava que isso poderia acontecer. Tinha expectativa de crescimento, de melhorias, acreditava no acesso.⁣

Parar de jogar foi uma decisão exclusivamente minha e tem muito mais a ver com falta de resultados, motivação e cansaço mental do que qualquer outra coisa. Apesar de não concordar com muita coisa que vem acontecendo, minha escolha não teve relação nenhuma com gestão ou diretoria, inclusive antes mesmo dessa troca eu já tinha tomado a decisão.⁣

Sobre permanecer ou voltar para o clube em outra função, eu não recebi nenhum convite formal. E independente de proposta, eu optei estar mais tempo com a família, concluir alguns cursos, me preparar mais em todas as áreas e viver um pouco a vida. Porém sempre me coloquei à disposição de ajudar. ⁣

Tenho constantemente recebido questionamentos sobre uma dívida do clube comigo. Sim, tenho um acordo extrajudicial homologado na justiça, que não está sendo cumprido, com valores a receber de praticamente todos os anos que vesti essa camisa. ⁣O futuro? Ainda estou me capacitando e descobrindo qual caminho vou seguir.⁣ Sei que a decepção é grande, a minha também é. Erros atrás de erros, insucessos atrás de insucessos.⁣

Mas somente essa torcida é capaz de reerguer e construir esse caminho de volta, através da UNIÃO, FORÇA, RESILIÊNCIA E PAIXÃO, assim como já foi feito alguns anos atrás.

Continue lendo
1 comentário

1 comentário

  1. IRAM GOMES

    23 de setembro de 2021 a 11:15

    Conseguiram o quase impossível acabar com o MAIS QUERIDO , pobre Santinha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending