conecte-se conosco

ALCRBSérie BÚltimas

CRB joga melhor, mas cede empate ao Coritiba no Rei Pelé e perde chance de entrar no G4

Francisco Cedrim/Ascom CRB

Publicados

em

O CRB teve uma grande chance de retornar ao G4, mas não aproveitou. Jogando em casa contra o Coritiba, líder da Série B do Brasileiro, o Galo foi melhor em boa parte do jogo e até saiu à frente do placar, com Gum, no início do segundo tempo, mas viu o Coxa buscar um empate imediato com Igor Paixão.

Como fica?

Com o empate, o Coxa segue na liderança, com 58 pontos, mas vê o risco do Botafogo o ultrapassar ainda nesta rodada. Os regatianos, em quinto, têm 51, com chances de fechar a rodada a quatro pontos do G4.

Agora, o CRB vira a chave e enfrenta o Moto Club, no Maranhão, às 15h30 deste sábado, no jogo de ida da terceira fase do torneio preliminar da Copa do Nordeste. Na Série B, o time joga às 21h30 da quinta-feira da próxima semana, recebendo o Sampaio Corrêa. Para o Coritiba, o próximo jogo é na quarta-feira, recebendo o Operário Ferroviário em um confronto paranaense.

Jogo disputado, CRB melhor

Os praianos já mostraram as cartas logo no primeiro minuto de jogo, com Jajá encontrando uma brecha na defesa para sair cara a cara com Wilson e bater para fora. Aquela seria a melhor chance até os minutos finais do primeiro tempo, que, para além desse lance, foi de muita disputa no meio de campo, mas poucos lances de perigo real para qualquer um dos dois lados.

Em campo, o Coritiba era o time que tinha maior controle da posse de bola, mas, ainda assim, o jogo acontecia no campo de ataque do CRB, que, pressionando a saída de bola paranaense, evitava que o Coxa construísse um jogo ofensivo. Com isso, os mandantes conseguiam ser os melhores em campo, pisar mais na área adversária e ter todas as poucas boas chances do jogo.

A grande chance saiu aos 38, quando Diego Torres cobrou escanteio fechado e Luciano Castán desviou para um toque no travessão e outro na trave direita, antes de sobrar para Jajá bater e a defesa salvar em cima da linha.

Gols e jogo aberto

Depois da chuva que caiu no intervalo, o CRB voltou melhor e não demorou para ver os resultados. Buscando a intensidade, o time abriu o placar logo aos 4, quando Diego Torres cobrou escanteio na primeira trave e Gum apareceu por trás da defesa para cabecear no cantinho de Wilson.

Os alagoanos até seguiram buscando a pressão, mas o empate não demoraria. Aos nove, Rafinha cruzou de trás e Igor Paixão apareceu na frente da marcação para acertar uma bela cabeçada no fundo das redes alvirrubras.

Ali, os regatianos sentiram o baque do empate e o Coritiba passou a viver o seu melhor momento no jogo. Conseguindo acelerar o jogo, o líder da Série B passou pressionar a última linha do Galo, coisa que vinha tendo dificuldade para fazer no primeiro tempo. E, assim, até o fim, o jogo ficou aberto, com boas chances para os dois lados e as equipes revezando bons momentos.

Ficha do jogo

CRB (1)
Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Caetano e Guilherme Romão (Alexandre Melo); Claudinei, Jean Patrick (Wesley) e Diego Torres; Pablo Dyego (Alisson Farias), Jajá (Emerson Negueba) e Nicolas Careca. Técnico: Alan Aal.

Coritiba (1)
Wilson; Natanael, Henrique, Luciano Castán e Guilherme Biro; Willian Farias, Val e Robinho (Wagninho); Rafinha (William Alves), Igor Paixão (João Vítor) e Léo Gamalho (Gustavo Bochecha). Técnico: Gustavo Morínigo.

Local do jogo: Estádio Rei Pelé (Trapichão), em Maceió-AL
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e Jose Eduardo Calza (RS)
Gols:
Gum (4’/2ºT | CRB), Igor Paixão (9’/2ºT | COR)
Cartões amarelos: Diego Torres, Alexandre Melo (CRB), Gustavo Bochecha e Val (COR)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Trending