conecte-se conosco
Ari, gestor do Atlético-Ce - Divulgação FC Krasnodar Ari, gestor do Atlético-Ce - Divulgação FC Krasnodar

CEÚltimas

Gestor do Atlético-CE, atacante Ari é levado à delegacia após agressão em jogo amador

Divulgação/FC Krasnodar

Publicados

em

O atacante Ari, gestor do Atlético Cearense, precisou ser levado à delegacia na noite da terça-feira, após agressões a um árbitro. O jogador estava participando como convidado da final da Liga Itapipoquense, torneio amador da sua cidade natal.

Pela confusão, o jogador precisou ser levado à Delegacia Regional de Itapipoca, onde foi registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência. Agora, a sequência da investigação fica nas mãos da Polícia Civil do Ceará.

Segundo o relato divulgado pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, o árbitro teria sido agredido no rosto por Ari e desmaiado. Na confusão, a torcida invadiu o gramado e o jogo precisou ser interrompido. Assim, equipes da Polícia Militar (PMCE) tiveram que intervir.

Quando recuperou a consciência, a vítima informou que prestaria queixa e a PMCE escoltou o veículo do time até a saída de Itapipoca para garantir a segurança.

Revelado pelo Fortaleza, Ari ganhou destaque no futebol internacional, passando dois anos na Suécia, três nos Países Baixos e jogando na Rússia desde 2010. Atualmente, ele defende a equipe do Krasnodar. O jogador arrendou o Uniclinic em 2017, assumindo a sua gestão e mudando o nome para Atlético-CE.

Leia a nota da Secretaria de Segurança Pública

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informa que a Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) apura as circunstâncias de uma lesão corporal, ocorrida no município de Itapipoca – Área Integrada de Segurança 17 (AIS 17). O fato foi noticiado nessa terça-feira (14), por meio de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) registrado na Delegacia Regional de Itapipoca.

De acordo com relato de uma equipe da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE), a vítima do crime participava de uma partida de futebol amador em um estádio da cidade, quando foi agredida no rosto pelo suspeito e desmaiou. Com o incidente, a torcida de um dos times invadiu a área do gramado e o jogo, que teria um caráter festivo, precisou ser interrompido.

Outras equipes da PM-CE estiveram no local para conter os ânimos. Após recuperar a consciência, a vítima informou que representaria contra o suspeito na delegacia local. Após a lavratura do TCO, uma viatura da PMCE foi disponibilizada para acompanhar o veículo do time rival até a saída da cidade como medida de segurança.

Trending